Resumo Trabalho

A IMPORTÂNCIA DO USO EM SALA DE AULA DA TEORIA DOS REGISTROS DE REPRESENTAÇÕES SEMIÓTICAS PARA CONSTRUÇÃO DE CONCEITOS DE DISTÂNCIA ENTRE UM PONTO E UMA RETA E ÁREA DE UMA REGIÃO TRIANGULAR

Autor(es): MOZART EDSON LOPES GUIMARÃES, ANÍBAL DE MENEZES MACIEL e orientado por ANÍBAL DE MENEZES MACIEL

A Educação Matemática, enquanto área de pesquisa, favorece uma constante busca de novas metodologias de ensino, ou do aperfeiçoamento das existentes, em prol da melhoria do processo de Ensino-Aprendizagem de Matemática em todos os níveis escolares: infantil, fundamental, médio e até mesmo o nível superior. Tal fato se deve, em parte, ao (re)aparecimento e/ou fortalecimento da metodologia de resolução de problemas no âmbito do ensino dessa disciplina. O presente artigo é resultado do início de um estudo sobre a Teoria dos Registros de Representações Semióticas, elaborada pelo pesquisador Raymond Duval, produzido na disciplina “Ensino-Aprendizagem de Matemática no Ensino Fundamental e Médio”, do Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática, da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB, no Semestre letivo 2016.1. Abordamos, de forma embrionária, a problemática da compreensão de conteúdos e conceitos envolvidos nas Situações-Problema, ou simplesmente Problemas, estreitamente relacionadas à interpretação destes e, dentro dos nossos objetivos, refletimos sobre alguns princípios da teoria citada além de apresentarmos um planejamento de aula o qual mostra a importância do uso da Teoria dos Registros de Representações Semióticas para construção de conceitos de Distância entre um Ponto e uma Reta e Área de uma Região Triangular, com ênfase na conversão dos registros de representação, a saber: língua natural, gráfico e forma algébrica, procurando, constantemente, expor o objeto matemático preservado nestas diferentes formas de representação semiótica. Desta forma, pretendemos contribuir com a construção e apreensão dos conceitos envolvidos no conteúdo em questão. E de uma forma geral possibilitar a acesso mais democrático do conhecimento matemático.

Veja o artigo completo: PDF