Resumo Trabalho

EDUCAÇÃO EM SAÚDE NO TRAUMA A GESTANTE COM ACIDENTES AUTOMOBILISTICOS.

Autor(es): RARIANE DA SILVA SANTOS e orientado por WEZILA GOLÇALVES DO NASCIMENTO e orientado por WEZILA GOLÇALVES DO NASCIMENTO

Esse estudo de caso foi realizado com intuito de chamar atenção da gravidade de acidentes automobilísticos com mulheres em seu período gestacional. Pouco tem se alertado para tal tema e números de ocorrências tem nos surpreendido cada vez mais. Nesse estudo foi utilizados artigos, monografias, sites e publicações em periódicos como base para obter informações, estatísticas e atividades realizadas, mas os resultados foram poucos no Brasil o tema é limitado sem aprofundamentos e não há um percentual exato e recente que relate essa problemática e o que poderíamos fazer como profissionais de saúde. Nós Enfermeiros conhecedores dos riscos que as submetem um trauma abdominal devemos utilizar meios estratégicos para educa-las e conscientizá-las. A atenção primaria é uma ação que retém bons resultados nas unidades básicas de atendimento e alcança diversas gravidas. Utilizar cartilhas e a realização de pré-natais são oportunidades de grande importância. Se houver essa intervenção as ocorrências podem cair e duas vidas serem salvas sem nenhum dano. Em casos de acidentes devem ser notificados os mecanismos que acarretaram o acidente, se houve morte materna se a gestante estava usando ou não cinto de segurança, com isso teríamos uma base, o tamanho do risco e quais métodos usariam especificadamente. O objetivo principal desse estudo é alertar as gravidas a importância e a necessidade da segurança em carros o quão grave é um acidente sem a utilização do cinto e ate mesmo utiliza-lo de maneira errada e mudar a ideia que muitas têm que o sinto esta prejudicando o bebê.

Veja o artigo completo: PDF