Resumo Trabalho

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E ALIMENTAR NA ESCOLA DO CAMPO: VIVÊNCIA PEDAGÓGICA NA EXTENSÃO

Autor(es): JEFFERSON FLORA SANTOS DE ARAÚJO, ELIAS ALVES FILHO, MARIA DA PAZ PEREIRA DO PATROCINIO

Este trabalho tem como objetivo apresentar algumas reflexões e experiências vivenciadas durante a realização de três oficinas sobre meio ambiente e qualidade de vida, desenvolvidas em uma escola pública municipal na cidade de Bananeiras. O lócus da pesquisa foi a Escola Municipal de Ensino Fundamental Nicolau Lucena de Moura, localizada na Zona Rural do município de Bananeiras, Paraíba. O público alvo foram 22 alunos, com faixa etária de 8 a 12 anos, do 4º e 5º ano do Ensino Fundamental. Os resultados das oficinas revelaram que os alunos apresentam grande preocupação com a questão ambiental, consideram o assunto muito importante e que alguns fazem ações no cotidiano para solucionar alguns problemas da sua comunidade. Também foi possível perceber que a maioria dos alunos não possui o hábito de consumir peixe na sua alimentação diária. Esse fato acontece pela falta de conhecimento dos seus pais da importância das vitaminas encontradas nesse alimento. Portanto, acreditamos que pequenas ações como essa da extensão constituem-se como pontos de partidas para um mundo melhor e, se a educação cumprir realmente o seu papel, poderá mudar a situação grave do ambiente no nosso planeta.

Veja o artigo completo: PDF