Resumo Trabalho

Autor(es): LUCICLÉA TEIXEIRA LINS

O artigo tem sua centralidade na discussão teórica acerca da categoria Memória articulada aos processos de luta de assentados(as). O mesmo é um desdobramento de um projeto de extensão que tem como proposta fazer o levantamento e registro da história de luta dos assentamentos rurais existentes no Brejo Paraibano. Esta intencionalidade se justifica pelo fato da ausência de registros da história de luta da população desses assentamentos, ausência que poderá implicar na perda da memória de suas lutas e, consequentemente o não conhecimento das mesmas, pelas gerações do presente e futuras. As ações para tal realização têm ocorrido de acordo com a metodologia da história oral, entrevistando os sujeitos que fizeram parte da luta e conquista dos assentamentos. Foram visitados sete assentamentos e, no caso específico dos assentamentos localizado no município de Bananeiras, onde realizamos entrevistas com moradores das respectivas localidades, obtivemos informações acerca da origem do assentamento, constituindo-se nos processos de luta como de resistência. Pretende-se, com os resultados, promover ações educativas para a preservação da memória, esse tem sido nossa preocupação central, para tanto temos trabalhado no levantamento, registro e sistematização da história de luta dos assentamentos rurais existentes no Brejo Paraibano, a fim de garantir a preservação dos vínculos afetivos e de identidade dos sujeitos ali residentes.

Veja o artigo completo: PDF