Resumo Trabalho

ANÁLISE DA BAGAGEM FORMATIVA DOS PROFESSORES DE QUÍMICA QUANTO AO USO DOS TABLETS EM UMA ESCOLA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE CAMPINA GRANDE-PB

Autor(es): FERNANDA MONTEIRO BARBOSA, ANA PATRICIA MARTINS BARROS, EDUARDO ADELINO FERREIRA, LEOSSANDRA CABRAL DE LUNA e orientado por PROF.DR. FRANCISCO FERREIRA DANTAS FILHO e orientado por PROF.DR. FRANCISCO FERREIRA DANTAS FILHO

A chegada das tecnologias no cotidiano das pessoas, tem se tornado uma prática comum, adentrando os mais diversos ambientes seja eles, causais, informais, judiciais, educacionais entre outros. Com isso a escola passa a ser um ambiente que deve promover a conscientização e formação de como estas tecnologias podem contribuir pra o crescimento, pessoal e intelectual do individuo. A tecnologia educativa no Brasil ocorreu por volta dos anos 70 e vem crescendo ao longo dos anos, principalmente pela popularização como também pelo barateamento dos equipamentos. Com a inclusão das Tecnologias de Informação e Comunicação - TICs no espaço escolar, o professor assume para si o compromisso de se enquadrar neste contexto, uma vez que não adianta a escola dispor de equipamentos se o docente não sabe utilizá-los. Desta maneira, o investimento em cursos de formação inicial e continuada se faz necessário, no entanto mesmo que as políticas públicas disponham de tal formação é necessário, portanto que o docente esteja apto e a dispor para adquirir novas informações. Nesta perspectiva o governo federal por meio do programa (Proinfo- Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia Educacional) vem distribuindo tablets em escolas públicas brasileiras afim de uniformizar o conhecimento tecnológico e educacional em diversas classes sociais. Desta maneira a presente pesquisa busca diagnosticar a formação dos professores de Química de uma escola pública no municio de Campina Grande-PB.

Veja o artigo completo: PDF