Resumo Trabalho

A PRODUÇÃO DE BRIQUETES COMO ALTERNATIVA DE PROMOÇÃO DA SUSTENTABILIDADE NA VISÃO DOS ALUNOS DO CURSO DE AGROECOLOGIA DO CDSA

THAIS CARNEIRO DE BRITO, OLÍVIO MEDEIROS DE OLIVEIRA NETTO, ROMILDO ARAÚJO MACENA, MARIA HELENA CARVALHO COSTA e orientado por JOSÉ OZILDO DOS SANTOS e orientado por JOSÉ OZILDO DOS SANTOS

A utilização de briquetes vem se ampliando de forma considerável nos últimos anos, em vários países e também no Brasil. Isto tem feito com que grande parte da biomassa residual que era lançada para decomposição natural, passasse a ser aproveitada na produção de energia alternativa, proporcionando várias vantagens, que podem ter cunho energético, operacional, logístico e ambiental. Na produção dos briquetes, os resíduos da biomassa são triturados e num segundo momento, compactados, sob alta pressão. Nesse processo de produção, tudo que é considerado biomassa residual pode ser aproveitado. Trata-se de uma pesquisa do tipo descritiva, possuindo uma natureza quantitativa, que teve por objetivo avaliar a percepção dos alunos do Curso de Agroecologia, do Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido, pertencente à Universidade Federal de Campina Grande, sobre a produção de briquetes como alternativa de promoção da sustentabilidade. Os dados colhidos possibilitaram concluir que entre os alunos entrevistados existe um bom conhecimento sobre o que são briquetes e em relação à briquetagem como uma das alternativas tecnológicas para o melhor aproveitamento dos resíduos de biomassa. A maioria dos entrevistados avalia o aproveitamento dos resíduos de biomassa na produção de briquetes como algo promissor, mas que ainda não possui uma grande repercussão no Brasil. E, que o principal obstáculo à utilização de briquetes no país é a ausência de promoção dessa iniciativa, à qual se alia a falta de incentivo à utilização das fontes renováveis de energia.

Veja o artigo completo: PDF