Resumo Trabalho

ATLÂNTIDA DO SERTÃO

MARIA HELOÍSA PONTES DE SOUZA, ALESSANDRA DE SOUZA COSME, ROBSON CAMPANERUT DA SILVA e orientado por FRANCISCO LEANDRO DUARTE PINHEIRO e orientado por FRANCISCO LEANDRO DUARTE PINHEIRO

O presente projeto teve como objetivo principal a continuidade de coletas e registros que buscou aprofundar e desenvolver análises etnográficas acerca dos processos de deslocamento espacial da antiga cidade de São Rafael, situada na Região do Vale do Açu, ambicionando assim, a preservação das memórias dessa localidade. São Rafael foi uma comunidade que passou por profundas modificações em seu tecido urbano-social como consequência de grandes projetos de remoção realizados pelo poder público. Tendo em vista que a memória é um dos alicerces que dá sentido à vida, buscamos conservar as lembranças de uma sociedade não para atrelá-la ao passado e impedir o seu desenvolvimento, mas sim conservar seus pilares constituintes a fim de não perder conhecimentos e identidades. Desenvolvemos estudos sobre a dinâmica social que foi desestruturada com a chegada da barragem Armando Ribeiro Gonçalves e aprofundamos as temáticas já abordadas, como por exemplo, o impacto socioespacial da implantação do Projeto Baixo Açu. Além disso, investigamos a reinvenção do município e a realidade nova ao qual as pessoas foram inseridas, contudo, a finalização do projeto trouxe uma nova percepção de um aspecto simbólico que descobrimos ser levado dentro de cada ex-morador da cidade, ou seja, o objeto de estudo denominado casa, já não significava o espaço físico (tocável) e sim, algo que transpassava a matéria. A partir do acúmulo de materiais etnográficos, historiográficos e iconográficos, será realizado o desenvolvimento de e-books (livro em formato digital) e possíveis parcerias com a prefeitura local a respeito da preservação do patrimônio histórico local para o desenvolvimento de um repositório virtual temático.

Veja o artigo completo: PDF