Resumo Trabalho

ASPECTOS QUALITATIVOS DE SEMENTES DE COENTRO EMPREGADAS PELOS OLERICULTORES NO MUNICÍPIO DE POMBAL, PB

LA͍ZA GOMES DE PAIVA, CACIANA CAVALCANTI COSTA e orientado por KILSON PINHEIRO LOPES e orientado por KILSON PINHEIRO LOPES

O coentro é uma hortaliça consumida em diversas regiões do Brasil, especialmente no Norte, Nordeste e em menor proporção no Sudeste. Há uma grande diversidade de cultivares de coentro no mundo, no entanto, é uma espécie pouco estudada e muitas vezes os produtores não diferenciam as cultivares usadas. Em algumas regiões, cultivam-se materiais locais, de procedência desconhecida, sendo as sementes produzidas pelos próprios agricultores, que em geral apresentam baixa qualidade física, fisiológica e sanitária, muitas vezes devido à falta de assistência técnica durante a produção e armazenamento dessas sementes. Já as sementes produzidas e comercializadas por empresas de sementes apresentam uma melhor qualidade geral. Objetivou-se avaliar a pureza, germinação, vigor e qualidade sanitária de sementes de diferentes lotes comercializados na região do município de Pombal, PB. O experimento foi realizado no Laboratório de Análise de Sementes e Mudas do Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar da Universidade Federal de Campina Grande, Campus de Pombal, PB. Foram utilizadas quatro tipos de sementes (diaquênios) de coentro da cultivar Verdão: semente comercial tratada; semente comercial não tratada; semente oriunda do sistema convencional de cultivo e sementes produzidas de forma orgânica. As sementes foram avaliadas quanto as suas características físicas, fisiológicas e sanitárias. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado e os resultados comparados pelo Teste de Tukey, a 1% de probabilidade. Sementes de coentro tratadas comercializadas no município de Pombal, e sementes oriundas do cultivo orgânico apresentam excelentes qualidades físicas, fisiológicas e sanitárias. Sementes de coentro encontradas no comércio de Pombal, PB, oriundas do sistema convencional de cultivo local, apresentaram-se fora dos padrões exigidos para comercialização de sementes olerícolas, por apresentarem baixa qualidade física, fisiológica e sanitária.

Veja o artigo completo: PDF