Resumo Trabalho

ANALISE DA VARIAÇÃO PLUVIOMÉTRICA DO MUNICÍPIO DE CATINGUEIRA/PB: A PARTIR DA SÉRIE HISTÓRICA DE 1934 Á 2016

LUCAS BEZERRA DOS SANTOS PEREIRA , LÍLIAN DE QUEIROZ FIRMINO, PEDRO TIAGO PEREIRA DE SOUSA, RENATA LUANA GONÇALVES LOURENÇO e orientado por MARIA JULIANA GONÇALVES LOURENÇO e orientado por MARIA JULIANA GONÇALVES LOURENÇO

A crise hídrica é um problema em que todo Nordeste tem que conviver, caracterizada principalmente pelo seu clima semiárido, a região enfrenta grande escassez desse recurso primordial para a existência de vida. A região Nordeste, apresenta um período chuvoso nos primeiros meses dos anos, onde seus maiores volumes são registrados nos meses de fevereiro, março e abril, caracterizado por possuir chuvas de alta intensidade em um curto período de tempo. A precipitação é um dos elementos meteorológicos de grande importância, pois está diretamente relacionada aos diversos setores socioeconômicos, afetando diversas áreas como economia, meio ambiente e a sociedade. O estudo dos recursos hídricos vem se tornando cada vez mais importantes, visto a má distribuição desse recurso, com isso a análise do regime pluviométrico no Brasil e sobretudo na região Nordeste pois a mesma sofre regulamente com a falta desse recurso, sendo possível determinar estratégias e metas para as próximas décadas. Com isso, o presente trabalho tem como objetivo principal a análise da série histórica das chuvas do município de Catingueira, localizada no sertão do estado da Paraíba. A partir de uma série histórica de 78 anos do referido município, sendo retirados os anos que apresentaram falhas de acordo com os dados fornecidos pela plataforma HidroWeb até o ano de 1990 e AESA (Agência Executiva de Gestão de Águas do Estado da Paraíba) até o ano de 2016, , os dados disponibilizados foram os dados de totais anuais, as chuvas diárias e os totais mensais, e para a realização de alguns parâmetros exigidos neste trabalho, apresentados nos objetivos específicos deste estudo. A partir dos dados foram obtidos gráficos como: histograma, diagrama e polígono de frequência da precipitação total anual do referido município. De extrema importância para prever o período de retorno das chuvas, além de evitar a possibilidade de enchentes, assoreamentos, erosão, causados pelas chuvas de grandes intensidades.

Veja o artigo completo: PDF