Resumo Trabalho

ANÁLISE DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA DA COMUNIDADE RURAL GUARIBAS, MUNICÍPIO DE ARARUNA-PB

BEATRIZ DE ALMEIDA GOMES, JOSE ARAUJO SILVA, DANIELLE GOUVEIA DE ARAÚJO, ANA LÍDIA ALVES DE ARAÚJO e orientado por ELITON BEZERRA BARBOSA e orientado por ELITON BEZERRA BARBOSA

Um dos maiores problemas encontrados na região semiárida do nordeste brasileiro é a escassez de água e, além de ser um recurso natural escasso é também de difícil acesso, principalmente para a população rural. Para minimizar essa situação, onde a rede de abastecimento não tem eficiência, a água subterrânea é explorada por meio de vários métodos, como, por exemplo, os poços amazonas que são abastecidos pela água do lençol freático e, além de explorada, ela pode ser armazenada que é o caso da captação da água de chuva utilizando as cisternas, que é um meio bastante empregado em muitas regiões do nordeste brasileiro. Na comunidade Guaribas na zona rural do município de Araruna-PB, que apesar de ser uma região de temperaturas mais amenas em comparação com as temperaturas médias de outros locais do semiárido, a população só tem acesso a água por meio de alguns desses métodos alternativos, dentre os mais conhecidos foram encontrados poços, cacimbões, tanques e o mais utilizado por eles são as cisternas, que ganharam uma maior dimensão de utilidade após ações governamentais nos últimos dez anos, melhorando a qualidade de vida de muitas famílias da comunidade que passaram a ter uma maior facilidade ao acesso à água. Além de armazenarem a água da chuva em um reservatório eficiente e conhecido nacionalmente, a comunidade de Guaribas faz uso de métodos não convencionais para o tratamento da água armazenada, utilizam o cloro e peixes pequenos para desinfecção das bactérias presentes na água e assim podem usá-la para fins domésticos. O método de tratamento utilizado não deixa a água dentro dos padrões de potabilidade, por isso deveria ter uma vistoria para fazer uma análise.

Veja o artigo completo: PDF