Resumo Trabalho

A RENDA RENASCENÇA: UMA ARTE EM CULTURA, ESTADO E POLÍTICAS PÚBLICAS

FABIANA DE MIRANDA SILVA, ANDREYA DESSOLES MARQUES, ROMÁRIO LUSTOSA DE OLIVEIRA, SABRINA BELMIRO LUCAS e orientado por JOEL CARLOS DE SOUZA ANDRADE e orientado por JOEL CARLOS DE SOUZA ANDRADE

RESUMO: O trabalho fomenta uma reflexão acerca da Renda Renascença realizada pelas rendeiras da região do Cariri Paraibano, entendendo a Renascença enquanto uma arte, um produto de representação cultural. Um patrimônio histórico e cultural, um espaço de preservação de memória. Faz uma discussão acerca das ações das políticas públicas e seus possíveis resultados, levando-se em conta a natureza do Estado. Tendo em vista a complexidade dessa relação entre o Estado e a sociedade civil, assim como também a complexidade das próprias políticas públicas, destacando a importância da participação da sociedade civil nas arenas de poder que compõe essas políticas públicas, inclusive a cultural. Tendo em vista repensar o trato com a identidade e a cidadania a partir de um olhar que considera as mudanças e permanências do contemporâneo e suas consequências para a situação da arte da Renascença enquanto um produto que se percebe desenvolver-se e se instrumentalizar com vistas ao “desenvolvimento”. Pensando sempre em uma perspectiva de um processo de estudo que enseja à inclusão social, o desenvolvimento regional, a renda enquanto um produto de identidade local, vetor de exercício de cidadania de um povo inserido em determinado espaço, característico de uma paisagem carregada de memórias; um patrimônio cultural que se apresenta e permite um potencial de desenvolvimento local, regional. A metodologia teve como pressupostos para sua realização um trabalho de exploração bibliográfica, tendo como fontes de pesquisa artigos, dissertações, assim como também os recursos da Web, a partir da consulta de sites que tratam do tema, tendo como objetivo, desvendar, recolher, analisar informações e conhecimentos prévios sobre o assunto, tendo em vista a pesquisa encontrar-se em andamento e ainda em fase inicial.

Veja o artigo completo: PDF