Resumo Trabalho

ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DOS SERVIÇOS DE SANEAMENTO BÁSICO NO MUNICÍPIO DE POMBAL-PB

ANA CECILIA NOVAES DE SA, SHIEENIA KADYDJA DE SOUSA PEREIRA e orientado por ROBERTO FERREIRA BARROSO e orientado por ROBERTO FERREIRA BARROSO

O saneamento básico é um conjunto de serviços que servem de subsídio para umas melhores qualidades de vida dos indivíduos, oferecendo a população adequadas condições sociais, ambientais e ecológicas. O saneamento abrange cinco principais serviços que são o abastecimento de água; esgotamento sanitário; coleta, tratamento e disposição final dos resíduos sólidos; drenagem urbana e controle de vetores. No Brasil, esses serviços ainda são deficitários, principalmente os serviços de esgotamento sanitário e a destinação adequada dos resíduos sólidos, ocasionando impactos ambientais e na saúde humana, por isso a necessidade da eficácia e universalização dos serviços, para que esses problemas sejam minimizados. Nesse contexto, o estudo tem como objetivo analisar a eficiência dos serviços de saneamento básico no município de Pombal-PB. A área de estudo está localizada na cidade de Pombal-PB, para a análise da efetividade dos serviços no município, foram obtidos dados secundários dos sites SINIS e IBGE, que serviram como fundamento para a elaboração de tabelas e gráficos apresentando um comparativo da evolução e eficácia do atendimento desses serviços. Os anos analisados compreendem de 2011 á 2015, e os serviços avaliados foram abastecimento de água, esgotamento sanitário e coleta de resíduos sólidos. A partir dos dados analisados, pode-se observar que houve uma evolução da população atendida pelo serviço de abastecimento de água, onde no ano de 2015, a população era atendida em quase sua totalidade; o serviço de esgotamento sanitário permaneceu constante nos anos analisados, não havendo progresso da população atendida. A coleta de resíduos é realizada porta a porta, onde foi possível observar que houve aumento da população atendida, porém de maneira insignificante, podendo verificar que uma grande parcela da população ainda não conta com uma destinação adequada dos resíduos gerados. Logo, conclui-se que há eficiência em alguns serviços de saneamento básico, como é o caso do serviço de abastecimento de água, que atende a população em quase sua totalidade, porém, alguns serviços encontram-se deficitários, necessitando da intervenção do pode público para que haja uma melhora dos mesmos.

Veja o artigo completo: PDF