Resumo Trabalho

USO DA TERAPIA FLORAL NA REDUÇÃO DOS SINTOMAS DAS MULHERES NO CLIMATÉRIO

Autor(es): ALEXSANDRA XAVIER DO NASCIMENTO e orientado por ELIANE RIBEIRO VASCONCELOS

Introdução: As essências florais de Bach constituem uma modalidade terapêutica vibracional que trata o corpo em sua dimensão física, psíquica e espiritual. Seu foco central de atuação é a alma humana com desdobramentos no corpo físico. Ela foi aprovada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) desde 1956 e é conhecida em mais de 50 países. Essas essências atuam equilibrando o indivíduo pela informação eletromagnética e sutileza das flores e não pela força de princípios ativos. As contribuições da terapia floral no climatério vêm sendo estudadas e parecem apontar benefícios nos casos de transtornos psíquicos e fisiológicos. Objetivo: Relatar a evolução clínica de mulheres com sintomas relacionados ao climatério em tratamento complementar com os dos Florais de Bach. Metodologia: Estudo descritivo tipo relato de caso clínico realizado no período de fevereiro de 2016 a junho de 2016, em 03 mulheres com sintomas do climatério num ambulatório de práticas integrativas. Foi aplicado um questionário para verificar os desconfortos relacionados a esta fase, se estavam presentes e a intensidade de cada um deles no momento das consultas. A cada atendimento semanal foi realizado a repertorização do floral adequado a cada paciente e a mesma recebeu seu floral para uso domiciliar numa posologia de 04gts 4 vezes ao dia. As consultas foram semanais totalizando 04 consultas. Resultados: A terapia floral apresentou bons resultados apesar do tempo restrito de acompanhamento. O benefícios já começaram a ser referidos pelas pacientes na primeira semana. Evidenciou-se uma melhora significativa na ansiedade, irritabilidade, no autocontrole, nervosismo, nos distúrbios do sono e nas alterações de humor, o que deixou as pacientes extremamente satisfeitas com o tratamento. Conclusão: A terapia floral agiu no principalmente nos aspectos emocionais e mentais. Os resultados proporcionaram as pesquisadoras a observação da atuação dos florais nas mulheres acompanhadas, na remissão e atenuação dos sintomas no primeiro mês de tratamento, porém, sugere-se um maior tempo de acompanhamento para verificar a permanência dos benefícios inicialmente evidenciados.

Veja o artigo completo: PDF