Resumo Trabalho

RESULTADOS PARCIAIS DA APLICAÇÃO DE TOQUE TERAPÊUTICO EM PORTADORES DE DORES CRÔNICAS

Autor(es): CARMENCITA IGNATTI, SORAYA VJEKOSLAV

A dor crônica caracteriza-se como recorrente, persistente e de origem difusa não responsiva a tratamentos usuais, impactando a qualidade de vida orgânica e psico-social. Acarreta alterações nas atividades físicas, no sono, na vida sexual, com modificação do humor, baixa auto-estima, pensamentos negativos e desesperança, alterando relações familiares, de trabalho e lazer. Utilizou-se o Toque Terapêutico (TT) como alternativa de tratamento no alivio da dor crônica para fins de pesquisa. Consiste na proposta de repadronização do fluxo de energia humana através da imposição de mãos para restaurar a estabilidade e a vitalidade, com resultados significativos para o bem-estar e a melhora do estado geral, utilizada para conforto e alivio de sintomas desagradáveis. Pesquisa quanti-qualitativa de intervenção experimental em andamento, realizada nas instalações do Laboratório de Enfermagem de uma instituição privada de ensino superior, no município de Peruíbe -SP. O tratamento consiste em uma sessão semanal e reavaliação a cada 4 sessões em sujeitos previamente selecionados de acordo com a proposta da pesquisa, atendendo os pressupostos éticos e legais. Estudo realizado com 41 pacientes com histórico de dores crônicas sendo 9 homens e 32 mulheres, na faixa etária de 18 a 72 anos, no período de 2015-2 a 2017-1. Em relação a topografia da dor e gênero: 32 portadores de dores articulares (24 mulheres e 8 homens); 11 com dores difusas (9 mulheres e 2 homens); 5 mulheres com doenças degenerativas; 5 mulheres com outras queixas associadas e 5 mulheres com diagnóstico de fibromialgia .Observou-se que o índice de dores crônicas com intensidade de moderada a insuportável, prevalece nas mulheres em faixa etária precoce, relacionadas ao acúmulo de tarefas e exigências geradoras de estresse cotidiano impactante, evidenciando múltiplos fatores associados a dores crônicas tais como: ansiedade, depressão e sofrimento emocional , histórico de abuso (físico, psicológico e sexual) e abandono, condição relacionada a estresse pós traumático com baixa de imunidade com recorrência inflamação e infecção, compressão de nervos, tensão musculoesquelética crônica e histórico de má postura de ordem ocupacional. Os resultados iniciais sugerem que a aplicação do Toque Terapêutico colabora efetivamente para o alivio da dor crônica e melhora da qualidade de vida e também promove emoções positivas, com redução de medo, angustia e ansiedade, proporcionando bem-estar físico e psíquico.

Veja o artigo completo: PDF