Resumo Trabalho

PERCEPÇÃO DE ACADÊMICOS DA SAÚDE SOBRE A IMPORTÂNCIA DAS PRÁTICAS DE HOMEOPATIA.

Autor(es): CESAR AUGUSTO COSTA DE MEDEIROS, IARA LUÍZA MEDEIROS, FERNANDO EMANUEL DE SOUSA FERREIRA e orientado por JOSÉ JAILSON LIMA BEZERRA

As práticas integrativas e complementares visam o restabelecimento da saúde do indivíduo como um todo, e não como partes isoladas, e cada vez mais está sendo a alternativa dos que almejam qualidade de vida e a cura de enfermidades fugindo do modelo alopático de tratar-se. Dessa forma, o presente trabalho teve como objetivo analisar os conhecimentos dos acadêmicos da saúde sobre as práticas integrativas, com ênfase na Homeopatia. A coleta de dados foi realizada no Centro de Educação e Saúde (CES) da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), durante o mês de Agosto de 2017. Ao todo, 25 alunos dos cursos de Farmácia e Enfermagem participaram desta pesquisa. Os futuros profissionais da área da saúde foram convidados a responder um questionário estruturado com perguntas específicas sobre a Homeopatia. As respostas atribuídas pelos alunos referentes às indagações propostas no questionário foram analisadas qualitativamente, levando em consideração todos os aspectos ligados com o conhecimento prévio dos estudantes a respeito da Homeopatia. As questões foram identificadas em formas de códigos, visando desta forma, facilitar na discussão dos dados obtidos. Os resultados indicaram que a maioria dos alunos participantes desta pesquisa ainda não teve contato com disciplinas e conteúdos que abordassem temas relacionados com a Homeopatia, mas demonstraram grande interesse em conhecer mais sobre este tipo de tratamento. Portanto, torna-se necessário que o centro de formação de profissionais da área da saúde onde foi realizado esta pesquisa, aborde assuntos relacionados com as práticas integrativas, proporcionando desta forma uma visão ampla dos discentes acerca dos diversos tratamentos alternativos existentes nos dias atuais.

Veja o artigo completo: PDF