Resumo Trabalho

PRÁTICAS INTEGRATIVAS E A SAÚDE DO IDOSO: UM OLHAR DA TERAPIA OCUPACIONAL

Autor(es): PATRÍCIA ANDRADE TEIXEIRA e orientado por PAULO EDUARDO RAMOS

Introdução: A saúde do idoso requer esforços multiprofissionais, objetivando um envelhecimento mais saudável, priorizando esforços na manutenção da independência e autonomia do indivíduo e ampliação do repertório de atividades (SAFONS, 2003). A proposta dessa pesquisa, consistiu em avaliar os benefícios das Práticas Integrativas – PICS (BRASIL, 2012) no desempenho das Atividades Instrumentais de Vida Diária (AIVD) (AOTA, 2015). Metodologia: Foi realizado um estudo transversal (aprovado no Comitê de Ética e Pesquisa – SMS/SP), com análises a partir da aplicação da Escala de Lawton e Brody (LAWTON, 1969) a fim de mensurar o desempenho das AIVD e, portanto estabelecer os benefícios das PICS. A amostra foi composta por usuárias de serviços de saúde do município de São Paulo, vinculados como cenários de prática à Residência Multiprofissional em PICS. Resultados: Foram avaliadas 80 idosas (75 anos ±), sexo feminino (100%), que apresentaram diferenças nos parâmetros avaliados comparando as que participam e as que não participam dos grupos de práticas corporais. Discussão: A capacidade funcional é uma das variáveis investigadas, além de fatores relacionados ao contexto sociocultural, escolaridade, gênero, acesso à saúde e moradia. Nesse estudo, o melhor desempenho, nessa esfera, correlacionou-se diretamente com as idosas que participam ativamente de grupos de PICS. Conclusões: Ao identificarmos que as idosas que apresentaram maior independência nas AIVD são as participantes dos grupos de PICS podemos concluir que estes podem melhorar a qualidade de vida, além disso, foram identificados fatores que interferem na capacidade funcional de idosos, autoestima, autocuidado, diminuição da dores/fadiga muscular e ruptura do isolamento domiciliar, melhorando significativamente a saúde dessa população. Referências Bibliográficas: Associação Americana de Terapia Ocupacional – AOTA. Estrutura da prática da Terapia Ocupacional: domínio & processo. Revista de Terapia Ocupacional da Universidade de São Paulo, São Paulo, v. 26, p. 1-49, 2015. Edição especial.; BRASIL. Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS. BÁSICA, D. D. A.: Ministério da Saúde 2012.; Lawton MP, Brody EM. Assesment of older people: self-maintaining and instrumental activities of daily living. Gerontologist. 1969;9:179–85.; SAFONS, M. P. Qualidade de vida na terceira idade: uma proposta multidisciplinar – relato de experiência.: Buenos Aires: Revista Digital: 64 p. 2003.

Veja o artigo completo: PDF