Resumo Trabalho

JOSE EDIELSON DA SILVA NEVES, ELISIANE SANTANA DE LIMA e orientado por WANDERSON MAGNO PAIVA BARBOSA DE LIMA e orientado por WANDERSON MAGNO PAIVA BARBOSA DE LIMA

Atualmente, o ensino da matemática é resumido a repetições de algoritmos e a memorização de fórmulas. É considerada pelos alunos como chata, enfadonha e sem aplicações no cotidiano. A partir dessas considerações, cada vez mais os alunos perdem o interesse pela disciplina e o prazer em aprender matemática, ocasionando o não entendimento do assunto. Uma das tendências da educação matemática que pode ser um forte aliada nesse cenário de desentusiasmo por partes dos alunos em relação a matemática, é o ensino e a aprendizagem por meio de jogos. Diferente do ensino mecanizado, as aulas através dos jogos permitem uma educação diversificada e inovadora por meio da livre participação dos alunos, da criatividade e do senso crítico empregado por eles. Ensinar por meio de jogos é uma forma dos professores mudarem um pouco a metodologia diária baseada muitas vezes apenas no livro didático. Com o jogo, as crianças desenvolvem atitudes quem são necessárias para a aprendizagem e o entendimento do conteúdo. Visando uma aula diferente que ocasionasse o interesse dos alunos pela matemática e assimilação do assunto, este trabalho apresenta um relato parcial de uma investigação realizada com alunos do 3° ano do ensino fundamental I, em que os mesmos, após aula expositiva sobre as moções multiplicativas, utilizaram o jogo dominó da multiplicação para exercitar o que foi visto em sala de aula. Com aplicação do jogo dominó da multiplicação esperamos que os alunos através da competitividade sadia, da empolgação de uma aula inovadora e da manipulação do material pedagógico, despertem o interesse pela matemática, tornem-se mais participativos nas aulas, resolvam as multiplicações mais simples mentalmente e desenvolvam o raciocínio logico matemático.

Veja o artigo completo: PDF