Resumo Trabalho

A ENFERMAGEM FRENTE A IDEOLOGIAS DE GÊNERO E CONSTRUÇÃO DA SEXUALIDADE: UMA REVISÃO DA LITERATURA

IAGO VIEIRA GOMES, MARLENE LAÍS RODRIGUES JÁCOME, MYCHELLE OLIVEIRA PORTO, TALITA MEDEIROS ANDRADE

Esse trabalho tem como objetivo promover uma revisão da literatura em busca dos aspectos que abordem a vivência do enfermeiro no contexto da sexualidade, sendo esta compreendida como um processo de aprendizagem resultante da articulação com o meio social e a trajetória individual. Investigando também, as pesquisas que pleiteiam discussões de gênero, uma vez que estas articulações envolvendo gênero influenciam diretamente na formação e na assistência da Enfermagem. O método utilizado foi a análise de artigos científicos, no período de 2009 a 2016, encontrados nas bases de dados online: SCIELO e BVS, filtrados por critérios de inclusão e exclusão, resultando em 05 artigos escolhidos. Nos resultados percebe-se que as pesquisas apontam um déficit na formação de enfermeiros, desde a academia, capazes de lhe dar com a sexualidade, que seja do outro ou a própria, sendo influenciados de maneira direta pelas ideologias de gênero estigmatizadas pela sociedade. Entender o processo de sexualidade inerente a profissão contribui tanto para o aprofundamento teórico quanto para uma abordagem de cuidado integral. Portanto, há a necessidade cada vez mais forte, da Enfermagem conhecer esse processo de construção da sexualidade e saber lhe dar com as ideias de gênero, a fim de prestar uma assistência eficaz, igualitária e humanizada.

Veja o artigo completo: PDF