Resumo Trabalho

DA RESIGNAÇÃO DE LAURA À IMITAÇÃO DA ROSA: O LUGAR DA MULHER NO CONTO DE CLARICE LISPECTOR

Autor(es): JAILMA DA COSTA FERREIRA, OTAÍZA DOS SANTOS SILVA

Nossa pretensão neste artigo é realizar uma leitura crítico-interpretativa do conto A imitação da rosa, do livro Laços de família (2009), de Clarice Lispector, atentando-nos para o lugar ocupado por Laura, protagonista da narrativa, cuja vida se restringe ao espaço doméstico e à convivência com um casal de amigos, Carlota e João, através de jantares eventuais. Nesses momentos, Laura e Carlota falam sobre coisas de mulheres e Armando e João sobre assuntos dos jornais. Percebemos, com isso, que os espaços femininos e masculinos são bem delimitados na narrativa clareciana. Dessa forma, é nosso objetivo discutir sobre o lugar da mulher na sociedade, especialmente, aquele ocupado pela protagonista. Para tanto, recorremos aos estudos de Del Priore (2006), Duarte (2002), Telles (2010), entre outros.

Veja o artigo completo: PDF