Resumo Trabalho

A FRAGMENTAÇÃO EXCESSIVA DO MOVIMENTO LGBT+ PROVENIENTE DA AMERICANIZAÇÃO DA ESQUERDA PÓS-GUERRA FRIA

Autor(es): LUCAS LIRA DE MENEZES

O presente trabalho tem como objeto principal estudar o movimento que luta pelo direito à igualdade entre todas as condições sexuais e de gênero, e como a globalização do modelo estadunidense desse movimento fez com que a luta pelo direito à igualdade se transformasse em uma luta pelo direito à diferença, causando a sua contínua fragmentação e consequentemente sua segregação. Utilizando de uma metodologia qualitativa de referencial teórico e bibliográfico, a pesquisa tem como objetivos específicos: (I) explicar a origem do movimento gay e todas as suas transformações até se tornar o atual fragmentado movimento LGBTQQICAPF2K+; (II) explicitar o conceito de pink money e como as grandes empresas inseridas no modelo global capitalista conseguem lucrar com essa fragmentação, e; (III) denunciar a segregação proveniente da globalização do modelo estadunidense. Portanto, a pesquisa visa responder a seguinte pergunta problema: Como a contínua fragmentação excessiva do movimento LGBT+, originário de movimentos de esquerda que buscavam a igualdade entre todos, atualmente contribui com o crescimento do capitalismo devido a globalização do neoliberalismo norte-americano pós-Guerra Fria? Dessa forma, é importante salientar a relevância do trabalho no âmbito acadêmico, uma vez que os movimentos sociais são um assunto extremamente em pauta nos dias atuais, e uma análise crítica sobre a fragmentação de um deles poderá contribuir para pesquisas futuras.

Veja o artigo completo: PDF