Resumo Trabalho

O CUIDADO EM ENFERMAGEM DIERCIONADO PARA A PESSOA IDOSA: REVISÃO INTEGRATIVA

WAGNER ALVES DOS SANTOS, ANA LAYSE DA SILVA, IARA DA SILVA , CRISTIANE DOS SANTOS e orientado por ANA PAULA DUARTE RAMOS e orientado por ANA PAULA DUARTE RAMOS

INTRODUÇÃO:O cuidado é inerente à condição humana e se apresenta como dispositivo de apoio, sustentação e proteção sem o qual o ser humano não vive. Impõe-se para garantir a vida e sua continuidade, uma vez que o ser humano demanda necessidades de cuidado tanto para nascer, crescer e manter sua vida quanto para morrer.1 Portanto, é um fenômeno resultante de um processo dinâmico de cuidar que requer do profissional da área de Saúde a capacidade de transformar a própria conduta diante das necessidades do outro, com atitudes de honestidade, humildade, esperança e coragem.2 No âmbito da Enfermagem, para que haja cuidado, o profissional deve extrapolar suas habilidades técnicas, que são indispensáveis nesse processo, e centrar o paciente como núcleo desse processo.3 De tal modo, é necessário estabelecer vínculos solidários e favorecer a construção de uma relação de confiança e compromisso com os usuários, com as equipes e os serviços, para garantir a participação coletiva no processo saúde-doença e o vínculo indissociável entre atenção e gestão. Considerando que a essência da Enfermagem é o cuidado com o ser humano, o profissional dessa área tem papel de fundamental importância nesse processo em relação ao paciente que se encontra sob seus cuidados.4 Ressalte-se que a função do profissional de Enfermagem é a de ajudar as pessoas a aproveitarem ao máximo suas capacidades funcionais, independentemente de seu estado de saúde e de sua idade.5 No caso da população idosa, esta apresenta demandas em relação aos demais grupos etários e precisa dos serviços de saúde com mais frequência por um período longo de tempo. Por essa razão, os profissionais de enfermagem devem estar aptos a desenvolver atitudes efetivas e de impacto na atenção à saúde desse grupo populacional.2 Em outros termos, para efetivar de um cuidado competente, os referidos profissionais devem planejar e programar as ações, estar preparados para lidar com questões inerentes ao processo de envelhecimento e estimular ao máximo a autonomia dos usuários.3objetivo de analisar os enfoques abordados em publicações científicas acerca do cuidado em enfermagem direcionado à pessoa idosa disponibilizados em periódicos online?METODOLOGIA: Feito esse questionamento, partiu-se para a busca eletrônica das publicações nas bases de dados Literatura Latino-americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), Base de dados de Enfermagem (BDENF) e na biblioteca virtual ScientificElectronic Library Online (SciELO). Para tanto, empregaram-se descritores em Ciências da Saúde (DeCS), com auxílio do operador booleano AND: “cuidado de enfermagem, saude do idoso, enfermagem em gerontologia. Foram observados como critérios de inclusão que o artigo estivesse disponibilizado. Nas bases de dados BDENF, LILACS e na Biblioteca Virtual SciELO, na modalidade de artigo original, texto completo, no idioma português e publicados entre 2008 e 2013. Os critérios de exclusão foram os seguintes: artigos repetidos, artigos de opinião, reflexão, revisão e artigos disponível apenas o resumo e em outros idiomas.RESULTADOS E DISCUSSÃO: Buscou-se fundamentar a discussão na síntese do conhecimento evidenciado nos artigos analisados sobre a temática, a fim de contribuir para se compreender bem mais o cuidado efetivo com a pessoa idosa. A amostra do estudo foi constituída por quinze artigos originais, disseminados em treze periódicos disponibilizados na Biblioteca Virtual SciELO e nas bases de dados selecionadas para a pesquisa proposta. Desses, dez são de Enfermagem, com destaque para a Revista de Enfermagem UFPE On Line e a Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, ambas com 13,3%(2) das publicações incluídas nesta revisão. Os demais periódicos são de outras áreas: Revista de Bioética, Revista de Atenção Primária à Saúde e Revista Mineira de Educação Física de Viçosa.CONCLUSÃO: A partir das publicações analisadas nesta revisão, foi possível identificar enfoques relacionados ao cuidado de enfermagem voltado para a pessoa idosa, no contexto domiciliar, nos serviços de saúde e nas instituições de longa permanência, o que serve para ilustrar a atuação do enfermeiro em diferentes cenários no campo da Saúde. O estudo destacou também publicações que apontam enfoques relacionados a diferentes modos de cuidar em enfermagem à pessoa idosa, como a valorização de assistência humanizada com ênfase na comunicação e no vínculo afetivo entre o profissional, o idoso e família.

Veja o artigo completo: PDF