Resumo Trabalho

A RELAÇÃO ENTRE O CÁLCIO E A VITAMINA D NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO

CRISLANE BARBOSA MARTINS, ADRIANA PAULA BRAZ DE SOUZA e orientado por ADRIANA PAULA BRAZ DE SOUZA e orientado por ADRIANA PAULA BRAZ DE SOUZA

Atualmente a sociedade define o idoso, com imagem de incapacidade, sedentarismo e principalmente com a saúde comprometida, porém nesta fase da vida, a atenção nas carências nutricionais, especialmente aquelas que podem ocasionar maior risco de patologias, como a má absorção de cálcio ou a deficiência no metabolismo da vitamina D é primordial, pois ‘envelhecer’ causa varias várias alterações, além de nutricionais mas também como alterações musculoesqueléticas, neurológicas, assim como nos órgãos sensórias. Objetivo de visar as necessidades na fase da terceira idade e proporcionar uma melhor qualidade de vida, assim como esclarecer a importância dos nutrientes essenciais para evitar futuras complicações. Para este fim foram pesquisados 14 artigos, porém utilizando apenas 10 publicados sobre o assunto, entre os anos 1997 e 2010, pois os demais abordava muito superficialmente o assunto referido, onde esses estudos demonstraram a forma de que a atenção aos indivíduos idosos é necessária, assim como a intervenção nutricional é essencial para minimizar a imunodeficiência na fase da terceira idade. Contudo, verificou-se índices significativos de vários estudos e definições com a população idosa, tal como, que a deficiência de minerais e o fato de constatação de patologias, é causado muitas vezes por uma má pratica diária.

Veja o artigo completo: PDF