Resumo Trabalho

HABILIDADES E FRAGILIDADES DO IDOSO COMO CUIDADOR NO CONTEXTO FAMILIAR E PROFISSIONAL: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA.

ELIZANA MULATO ELIZANA GUEDES, HIAGDA THAIS DIAS CAVALCANTE e orientado por GUSTAVO ANDRÉ PEREIRA DE BRITO

DEVIDO O CRESCIMENTO ACENTUADO DA POPULAÇÃO IDOSA NO BRASIL, A PROCURA POR QUALIFICAÇÃO TEM AUMENTADO NO ÂMBITO DO CUIDADO AO IDOSO. NESSA CONJUNTURA ATUAL, E BASEANDO-SE NOS ESTUDOS DE OLIVEIRA E DEBERT (2015) EM RELAÇÃO A QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL COM DEMANDA DE PROCURA INTENSA, FOI IMPLEMENTO NO PROCESSO DE EDUCAÇÃO INICIAL E CONTINUADA O CURSO DE “CUIDADOR DE IDOSO” NO PROGRAMA DE EXTENSÃO CENTRO DE PROMOÇÃO À SAÚDE DO IDOSO, O QUAL ATENDE PESSOAS COM IDADE A PARTIR DE 45 ANOS, VISANDO A PROPORÇÃO DE UM ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL, ATENTANDO-SE PARA QUESTÕES BIOPSICOSSOCIAIS QUE AS ACOMETEM. O PROJETO É DESENVOLVIDO NO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE-CAMPUS NATAL-CENTRAL. ALÉM DO OBJETIVO FORMATIVO, COMPLEMENTAR AO SABERES CONSTRUÍDOS NA EDUCAÇÃO AO LONGO DA VIDA, O CURSO TAMBÉM VISA OPORTUNIZAR UM APRENDIZADOS CONFORME A EXIGÊNCIA PROFISSIONAL PADRÃO E MERCADOLÓGICA, ATRAVÉS DA QUAL OS ALUNOS PASSAM A ADQUIRIR COMPETÊNCIAS LEGAIS DIRECIONANDO-SE A UMA APTIDÃO PROFISSIONAL DENTRO DOS MOLDES DE FORMALIDADE. ATRAVÉS DESSE CENÁRIO, JUSTIFICA-SE A NECESSIDADE DE IDENTIFICAR AS HABILIDADES E FRAGILIDADES DO PÚBLICO ATENDIDO PELO CURSO, FUTUROS CUIDADORES DE IDOSO, SENDO ELES TAMBÉM IDOSOS, NO CONTEXTO DOMICILIAR. ESTE ESTUDO TEVE ABORDAGEM QUALITATIVA COM BASE NA PRÁTICA DE ESTÁGIO EXTRA CURRICULAR. O FATOR IDADE, BEM COMO A PLURALIDADE DOS NÍVEIS DE ESCOLARIDADE IDENTIFICADOS NO ESTUDO E AS DIVERSAS TRANSFORMAÇÕES NA ESTRUTURA FAMILIAR, FORAM DESAFIOS ENCONTRADOS NA FORMAÇÃO DO CUIDADOR DE IDOSO. IDENTIFICOU-SE NA ANÁLISE DOS RESULTADOS A NECESSIDADE DE MAIS PESQUISAS RELACIONADAS A FORMAÇÃO DO CUIDADOR E SUAS ESPECIFICIDADES.

Veja o artigo completo: PDF