Resumo Trabalho

FATORES DE RISCO DE FRATURAS DE FÊMUR NOS IDOSO: REVISÃO SISTEMÁTICA

IAN RODRIGO NASCIMENTO E SILVA, MATHEUS DE LIMA FERNANDES, ANNE MARÍLIA DE AQUINO LAURENTINO, RODRIGO ASSIS NEVES DANTAS e orientado por DANIELE VIEIRA DANTAS e orientado por DANIELE VIEIRA DANTAS

Introdução: A população está em crescente progresso no aumento da expectativa de vida a partir de diversos fatores, sendo um dos principais a evolução da medicina. A partir do vislumbre de uma quantidade maior de pessoas com maior faixa etária, algumas questões sobre qualidade de vida são possíveis de ser realçadas, como as fraturas recorrentes em pessoas idosas. Os idosos por estarem com debilidades fisiológicas mais acentuadas são o grupo de maior risco para serem acometidos por fraturas, em especial a de fêmur, que em conjunto com a de quadril é a que mais ocorre. Objetivo: identificar, na literatura científica, fatores de risco para acometimento da fratura de fêmur em idosos. Metodologia: Trata-se de uma revisão sistemática, no qual utilizou as bases Scientific Eletronic Library Online (Scielo) e o Portal de Periódicos da CAPES. Foram selecionados 11 trabalhos, a partir dos critérios de inclusão: publicados de 2012 a 2017 e em português e inglês publicados até o ano de 2012. Predominaram as publicações da SciELO (88,0%), nos anos de 2014 (27,3%) e 2016 (27,3%), estudos transversais (45,5%) e com enfoque nos fatores de risco ou associados a quedas em idosos (63,7%). Resultados: A relação das quedas e da osteoporose como os fatores de risco mais frequentes às fraturas de fêmur, foi identificado na revisão dos estudos. Entretanto outros fatores ambientais e de saúde foram identificados com frequência entre os estudos, tais como a piso escorregadio, ausência de corrimão em casa, baixa acuidade visual, déficit auditivo e baixa renda. Esta associada a incapacidade econômica de promover manutenção de um ambiente mais adequado às necessidades de mobilidade. Conclusão: Desse modo é relevante a identificação dos fatores que levam a essa morbidade, sendo em grande parte preveníveis de ser evitados.

Veja o artigo completo: PDF