Resumo Trabalho

ENVELHECIMENTO ATIVO NA MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA DO IDOSO

ROSÂNGELA ALVES ALMEIDA BASTOS, KARLA FERNANDES DA SILVA, RITA DE CASSIA SOUSA SILVA

INTRODUÇÃO: O AUMENTO DA POPULAÇÃO IDOSA É UM FENÔMENO MUNDIAL. PARA QUE O ENVELHECIMENTO SEJA UMA EXPERIÊNCIA POSITIVA, UMA VIDA MAIS LONGA DEVE SER ACOMPANHADA DE OPORTUNIDADES CONTÍNUAS DE SAÚDE, PARTICIPAÇÃO E SEGURANÇA PARA MELHORAR A QUALIDADE DE VIDA À MEDIDA QUE AS PESSOAS FICAM MAIS VELHAS. OBJETIVO: IDENTIFICAR NA LITERATURA BRASILEIRA ESTRATÉGIAS PARA A PROMOÇÃO DO ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL. METODOLOGIA: REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA REALIZADA NA BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE. O LEVANTAMENTO DAS PRODUÇÕES CIENTÍFICAS FOI REALIZADO EM ABRIL E MAIO DE 2019. DELIMITOU-SE COMO RECORTE TEMPORAL O PERÍODO DE 2005 A 2018, SENDO SELECIONADOS 7 ARTIGOS. RESULTADO: O ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL ESTÁ RELACIONADO ÀS DIMENSÕES FÍSICAS, PSICOLÓGICAS, SOCIAIS E ESPIRITUAL, SENDO NECESSÁRIAS ESTRATÉGIAS PARA PROMOÇÃO DO ENVELHECIMENTO ATIVO QUE INCLUEM ATIVIDADE FÍSICA, ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL, RELIGIOSIDADE, INTERAÇÃO SOCIAL, APOIO FAMILIAR E DA COMUNIDADE. CONCLUSÃO: O ENVELHECIMENTO ATIVO FAZ PARTE DA POLÍTICA NACIONAL DE ATENÇÃO À SAÚDE DA PESSOA IDOSA E TEM COMO META PROMOVER O ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL DE FORMA A GARANTIR A AUTONOMIA DO SUJEITO, POR MEIO DE INTERVENÇÕES PRECOCES PARA MINIMIZAR OS DANOS DECORRENTES DESSE PROCESSO NATURAL E IRREVERSÍVEL, PARA GARANTIR BENEFÍCIOS NA TERCEIRA IDADE.

Veja o artigo completo: PDF