Resumo Trabalho

ALTERAÇÕES BIOPSICOSSOCIAIS NA VIDA DA MULHER, SUAS NECESSIDADES E ADAPTAÇÕES DURANTE A MENOPAUSA

DAYANE GOMES DE OLIVEIRA, ANDREIA APARECIDA DA SILVA, MARIA CAROLINE MACHADO SERAFIM, JESSICA REGINA NASCIMENTO ALVES e orientado por LUIZ MIGUEL PICELLI SANCHES e orientado por LUIZ MIGUEL PICELLI SANCHES

Com avançar da idade todas as mulheres passam por um processo natural, que se dá por alterações físicas psicológicas e principalmente hormonais. É fato que o processo de envelhecimento, para gênero feminino, é marcado por acontecimentos biológicos, que é impossível não repercutir sobre o corpo. A menopausa e o climatério são dois processos marcantes pelos quais as mulheres vão passar e precisam ser compreendidos em seus sinais e sintomas bem característicos. Apesar de ser mudanças esperadas para essa fase, acontecem de forma particular para cada pessoa. Este estudo objetivou realizar uma revisão sistemática da literatura a fim de identificar as alterações biopsicossociais na vida da mulher, suas necessidades e adaptações durante a menopausa. Trata-se de um estudo de revisão sistemática da literatura realizado através do levantamento bibliográfico nos bancos informatizados da Public Medline (PUBMED) e Scientific Electronic Library (Scielo), utilizando os seguintes descritores para busca: Women’s Health, Aging and Nursing care. Ao cruzar os descritores, foram encontrados vários artigos nos idiomas inglês, português e espanhol de diferentes anos de publicação. Para critério de inclusão dos artigos, foram estabelecidos os seguintes métodos: ser publicado nos últimos cinco anos, estarem condizentes com o objetivo da pesquisa e os artigos completos na íntegra que atendesse a seguinte pergunta condutora: Quais as alterações biopsicossociais na vida da mulher durante a menopausa, suas necessidades e adaptações nesse período?Após a consulta na literatura, foram excluídos da pesquisa artigos duplicados entre bases de dados e pelo julgar do título e do resumo não fossem relevantes para a pesquisa. Após refinar a pesquisa, foram selecionados 9 artigos para o estudo. Conforme a revisão sistemática realizada, muitas mulheres quando estão chegando à terceira idade sofrem com muitos medos e anseios pela transição dessa fase, pois associaram esse período da vida como um período complexo de perdas na autonomia, na saúde e até mesmo na vida social, sedo uma fator desse marco a menopausa.. O envelhecimento é decorrente do ciclo vital e que muitas mulheres têm dificuldades para encarar esse processo por associar a conotações negativas, não sabendo lhe dar com a nova realidade psíquica, social e corporal.As alterações corporais esperadas para essa fase causam grande impacto na vida e na autoimagem da mulher podendo ser até um fator desencadeante para um sofrimento metal, devido a a visão da sociedade em relação a imagem corporal feminina que a população estabelece. A educação em saúde para a compreensão melhor desse período se faz necessário para a construção de conceitos e compreensão de curiosidades que surgem com o avançar da idade. Devido a esses fatores, é de total relevância que haja um aumento quanto a programas de assistência a mulher idosa, considerando o climatério e a menopausa, de forma que venha contribuir para a mudança do serviço de saúde na atenção a população feminina e principalmente garantir a promoção nas diferentes etapas do ciclo da vida.

Veja o artigo completo: PDF