Resumo Trabalho

ASPECTOS CLÍNICOS DO TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE NO IDOSO: REVISÃO INTEGRATIVA

CAMILA NAVARRO ROCHA SARAIVA, NEYCE DE MATOS NASCIMENTO, PATRÍCIA JOSEFA FERNANDES BESERRA, RAFAELLA QUEIROGA SOUTO e orientado por MARIA MIRIAM LIMA DA NÓBREGA

OBJETIVO: REALIZAR UM LEVANTAMENTO NA PRODUÇÃO CIENTÍFICA EXISTENTE ACERCA DOS ASPECTOS CLÍNICOS DO TDAH NA PESSOA IDOSA. MÉTODOS: REVISÃO INTEGRATIVA COM BUSCA NAS BASES DE DADOS MEDLINE; PUBMED E SCIELO DOS ARTIGOS PUBLICADOS EM INGLÊS, PORTUGUÊS E ESPANHOL DISPONÍVEIS ON LINE. A AMOSTRA FOI CONSTITUÍDA POR 09 ARTIGOS. RESULTADOS: OS ESTUDOS REVELAM A PERSISTÊNCIA DE SINTOMAS DO TDAH NA PESSOA IDOSA, DIFICULDADES DE DETECÇÃO NA FASE ADULTA DO DISTÚRBIO, QUANDO ESTE NÃO É FEITO AINDA NAS FASES INICIAIS E O TRATAMENTO PODERÁ SER UM AUXILIADOR PARA UMA QUALIDADE DE VIDA MELHOR. CONCLUSÃO: O TDAH É UM DISTÚRBIO COMUM E MAIS FACILMENTE IDENTIFICADO NA INFÂNCIA, PORÉM ESTUDOS REVELAM HAVER A PERSISTÊNCIA DE ALTERAÇÕES CLÍNICAS NA PESSOA IDOSA, O QUE ACARRETA PARA ESTES CONSEQUÊNCIAS NA SUA VIDA AFETIVA, ACADÊMICA E FINANCEIRA, EVIDENCIADO ASSIM A NECESSIDADE DE SE REALIZAR A DETECÇÃO PRECOCE E O ACOMPANHAMENTO ADEQUADO PARA EVITAR A OCORRÊNCIA DE TRANSTORNOS PREJUDICIAIS NA VIDA DESTES IDOSOS. OUTRO FATOR RELEVANTE RESULTANTE DESTE ESTUDO CONSISTE NA NECESSIDADE DE REALIZAR MAIS ESTUDOS SOBRE ESTA TEMÁTICA, POIS OBSERVOU SE CERTA ESCASSEZ DE PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE O TDAH EM IDOSOS.

Veja o artigo completo: PDF