Resumo Trabalho

EFETIVIDADE DA FISIOTERAPIA PREVENTIVA NO CENTRO DE CONVIVÊNCIA DA PESSOA IDOSA NO MUNICÍPIO DE NOVA LIMA, MINAS GERAIS.

DANIELA BLOM GURGEL VALLE, KÉLVIO LUÍS MARTINS SILVA

O PRESENTE ESTUDO BUSCA INFORMAR SOBRE A IMPLANTAÇÃO E A EFETIVIDADE DA FISIOTERAPIA PREVENTIVA NO CENTRO DE CONVIVÊNCIA DA PESSOA IDOSA DO MUNICÍPIO DE NOVA LIMA E SUA IMPORTÂNCIA PARA A VIDA SOCIAL, FÍSICA, MENTAL E A QUALIDADE DE VIDA DOS INDIVÍDUOS ADEPTOS. FOI IMPLANTADA, EM 2017, COM O INTUITO DE PROMOVER SAÚDE E PREVENIR ALTERAÇÕES FUNCIONAIS E INCAPACIDADES RELACIONADAS AO ENVELHECIMENTO. SUGERE-SE QUE, A PARTIR DE PROGRAMAS PREVENTIVOS COMO O REALIZADO NESTE ESTUDO, SEJA POSSÍVEL REDUZIR OS CUSTOS DA HOSPITALIZAÇÃO E OS GASTOS COM A ASSISTÊNCIA CURATIVA. ESTUDOS ANTERIORES MOSTRARAM QUE OS EXERCÍCIOS FÍSICOS INFLUENCIAM NA MELHORA DO EQUILÍBRIO, NA PREVENÇÃO DE QUEDAS E NA QUALIDADE DE VIDA. TAMBÉM RESSALTAM QUE O TREINAMENTO DE FORÇA MUSCULAR INFLUENCIA NO GANHO DA CAPACIDADE FUNCIONAL, E QUE ATIVIDADES REALIZADAS EM GRUPO PODEM SER UMA GRANDE OPORTUNIDADE DE SOCIALIZAÇÃO. EM FEVEREIRO DE 2019, FOI REALIZADO UM QUESTIONÁRIO COM 64 PARTICIPANTES DA FISIOTERAPIA PREVENTIVA, NO QUAL 60 IDOSOS APRESENTAVAM ALGUM TIPO DE QUEIXA, SEJA ELA DE DOR, DEPRESSÃO, ANSIEDADE E/OU DESÂNIMO, E 27 IDOSOS APRESENTAVAM ALGUMA DIFICULDADE EM SUAS ATIVIDADES DA VIDA DIÁRIA (AVDS). APÓS NO MÍNIMO SEIS MESES DE REALIZAÇÃO DA FISIOTERAPIA PREVENTIVA, A MAIORIA PERCEBEU REDUÇÃO DA QUEIXA E DA DIFICULDADE. ESSES DADOS DEMONSTRAM A IMPORTÂNCIA DA PREVENÇÃO E DA MANUTENÇÃO DURANTE O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO, TORNANDO-O MAIS SAUDÁVEL E AGRADÁVEL, REDUZINDO AS CAUSAS DAS MORBIDADES, COMO AS DOENÇAS CRÔNICO-DEGENERATIVAS, A INCAPACIDADE FUNCIONAL E O ISOLAMENTO SOCIAL.

Veja o artigo completo: PDF