Resumo Trabalho

PERFIL SOCIODEMOGRÁFICO E AS VULNERABILIDADES DOS IDOSOS COM HIV/AIDS: REVISÃO SISTEMÁTICA

LUAN GABRIEL DE ARAÚJO, HELENA MARTA ALVES NUNES, JESSICA CRISTHYANNE PEIXOTO NASCIMENTO, RODRIGO ASSIS NEVES DANTAS e orientado por DANIELE VIEIRA DANTAS e orientado por DANIELE VIEIRA DANTAS

OBJETIVO: identificar, na literatura científica, o perfil sociodemográfico e as vulnerabilidades de idosos com HIV/AIDS. METODOLOGIA: revisão sistemática da literatura, nas bases de dados Scientific Eletronic Library Online (SciELO), Base de Dados de Enfermagem (BDENF) por meio da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), Web of Science, SciVerse Scopus (Scopus), Public Medline (PubMed), através do portal de periódicos Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Para o feito, utilizaram-se os descritores “Idoso”, “HIV” e “Enfermagem”, através do operador booleano AND. Foram selecionados 13 publicações científicas. RESULTADOS: o perfil sociodemográfico foi de idosos do sexo masculino, de baixas escolaridade e classes sociais, solteiros ou divorciados. Já quanto as vulnerabilidades, o conhecimento escasso dos métodos de prevenção por parte do público idoso, bem como a dificuldade de adotar práticas de prevenção nos comportamentos sexuais de tais relações afetivas, além do cenário de descaso relacionado às políticas públicas que visem a promoção da saúde direcionadas às Infecções Sexualmente Transmitidas por parte do serviço de saúde brasileiro. CONCLUSÂO: o reconhecimento das características sociodemográficas e vulnerabilidades dos idosos com a doença repercutem em consequências no tratamento e prevenção, os quais revelam a importância do acompanhamento do idoso doente e o perigo da negligência a esse público.

Veja o artigo completo: PDF