Resumo Trabalho

ENVELHECIMENTO E RISCO SOCIAL: ASPECTOS RELACIONAIS

SIMONE CALDAS TAVARES MAFRA

O envelhecimento é uma realidade demográfica consolidada no Brasil, que tem contribuído com a marginalização e exclusão da população idosa e não valorização desta, apesar da significativa porcentagem numérica de idosos no país. Por isso, este estudo teve como objetivo propor um modelo conceitual que apresente e busque explicar os aspectos relacionais existentes entre o envelhecimento e o risco social. Metodologicamente utilizou-se a técnica do círculo de causalidade elaborado a partir das ferramentas do pensamento sistêmico. Os resultados evidenciaram que o risco social é resultante da violação do direito do idoso, tal condição também está ligada a crise no cuidado. A dificuldade das famílias em ofertar o cuidado para com os seus idosos tem permitido o enraizamento do risco social tornando-o explicativo do processo de envelhecimento populacional.

Veja o artigo completo: PDF