Resumo Trabalho

REPERCUSSÕES DE UM PROGRAMA DE EXERCÍCIOS DE FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA EM PACIENTES COM DOENÇA DE PARKINSON

ANDERSON SANTOS FRAGA, TAYSA VANNOSKA DE ALMEIDA SILVA, CARLA CABRAL DOS SANTOS ACCIOLY LINS e orientado por MARIA DAS GRAÇAS WANDERLEY DE SALES CORIOLANO e orientado por MARIA DAS GRAÇAS WANDERLEY DE SALES CORIOLANO

A doença de Parkinson (DP), patologia neurodegenerativa comum a partir dos 60 anos, caracterizada por rigidez, bradicinesia e tremor de repouso que podem interferir na respiração. Para manutenção ou melhoria desta, tem-se a fisioterapia. Problemas em seu acesso, como dificuldades de locomoção e financeira, tornam exercícios domicíliares orientados alvo de interesse. Objetivo. Avaliar o efeito de um programa de exercícios de fisioterapia respiratória domiciliar orientado, com abordagem individualizada e acompanhamento semanal do fisioterapeuta, sobre a função pulmonar em indivíduos com DP. Métodos. Ensaio clínico não controlado, conduzido no Programa Pró-Parkinson do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (ambulatório de Neurologia). Para avaliação da função pulmonar foi utilizado o espirômetro e para força muscular foi utilizado o manuvacuômetro. Peso, altura e idade também foram coletados. Para análise estatística foi utilizado ANOVA one way, post hoc Teste T (LSD), considerando P

Veja o artigo completo: PDF