Resumo Trabalho

BENEFÍCIOS PSICOMOTORES DA HIDROGINÁSTICA EM IDOSOS

TAWAN TEODÓSIO MEDEIROS, WILLAS FERREREIRA e orientado por JOSENALDO LOPES DIAS

A HIDROGINÁSTICA É UMA ATIVIDADE FÍSICA COMPOSTA POR EXERCÍCIOS AERÓBICOS, REALIZADOS DENTRO DA ÁGUA, TENDO COMO LOCAL APROPRIADO A PISCINA, SENDO ELA BEM CUIDADA. A MODALIDADE TEM CRESCIDO BASTANTE POR CONTA DOS SEUS MÚLTIPLOS BENEFÍCIOS, ASSIM COMO, O LOCAL POR SER ATRATIVO MAIS SEGURO E QUE PASSA CONFIANÇA AOS PRATICANTES, ONDE TEM DIMINUIÇÃO SEGUNDO OS ESTUDOS DE 80-90% DOS IMPACTOS, ONDE EVITAM AS QUEDAS E OUTROS RISCOS EM COMPARAÇÃO AOS EXERCÍCIOS FORA DA ÁGUA. PORTANTO, O PRESENTE ESTUDO TEM COMO OBJETIVO FAZER UM LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICO ACERCA DA IMPORTÂNCIA DA HIDROGINÁSTICA NA MELHORA DA CONDIÇÃO PSICOMOTORA DO IDOSO OBSERVANDO OS BENEFÍCIOS FÍSICOS E MENTAIS, ADEQUANDO O MESMO PARA UMA FASE ADAPTATIVA NA CONDIÇÃO MOTORA. A SUA METODOLOGIA FOI A PARTIR DE UMA REVISÃO DE LITERATURA COM BASE NA BUSCA BIBLIOGRÁFICA NO GOOGLE ACADEMICO, SCIELO E REVISTA DO ESPORTE DURANTE OS CINCO ULTIMOS ANOS. CRITÉRIOS DE INCLUSÃO: ARTIGOS QUE TENHAM IDOSOS PRATICANTES APARTIR DE 60 ANOS DE IDADE E QUE ABORDEM A DISCURSÃO DOS BENEFÍCIOS PSICOMOTORES. DENTRE VARIOS ESTUDOS PESQUISADOS, DESTACAMOS OS RESULTADOS ENCONTRADOS POR VENÂNCIO (2016), ONDE UM DOS PONTOS ABORDADOS, FOI SOBRE O ASPECTO PSICOMOTOR, ONDE OS PRATICANTES DE HIDROGINÁSTICA TIVERAM COMO RESULTADO DE 30% NO NORMAL ALTO E 45% NORMAL MÉDIO, E OS SEDENTÁRIOS 0% E 15% RESPECTIVAMENTE, COM 45% NO MUITO INFERIOR. DESTA FORMA, COM O LEVANTAMENTO DE TANTOS ESTUDUDOS QUE ABORDAM O TEMA, FOI CONCRETIZADO AS HIPÓTESES LEVANTADAS, ONDE MOSTRAM BENEFÍCIOS PSICOMOTORES AOS IDOSOS, PODENDO ASSIM SURGIR FUTUROS ESTUDOS QUE POSSAM ACRESCENTAR OUTROS BENEFÍCIOS AOS JÁ COMPROVADOS.

Veja o artigo completo: PDF