Resumo Trabalho

POLÍTICAS DE ATENÇÃO AO IDOSO NO BRASIL: RESGATE HISTÓRICO

THAISA MACHADO DE OLIVEIRA, CARLA NOELY LIMA PESSOA, MAYARA MADJA ARAÚJO MEDEIROS, GEÓRGIA FREITAS DE LARA ANDRADE e orientado por ANA ELZA OLIVEIRA DE MENDONÇA e orientado por ANA ELZA OLIVEIRA DE MENDONÇA

Introdução: As mudanças no perfil sócio demográfico exigiram a criação de políticas públicas voltadas para a pessoa idosa a fim de torná-lo cada vez mais autónomo e participativo. Diante disso, o estudo das políticas que resguardam a pessoa idosa é de suma importância pois possibilita o monitoramento e melhorias nas condições de saúde além de aprimorar as medidas voltadas a esse público. Objetivos: Resgatar historicamente, no contexto sócio-histórico-político, a partir de documentos presentes no arcabouço legal da política nacional de saúde da pessoa idosa a criação de políticas públicas de atenção ao idoso no Brasil. Metodologia: A pesquisa foi elaborada no âmbito da pesquisa qualitativa, por meio do método de pesquisa documental. Utilizou-se como fonte bases de dados nacionais e publicações oficiais do governo brasileiro. As buscas e levantamento de materiais e documentos foram realizadas no período de janeiro e fevereiro de 2017 em sites e portais do Ministério da Saúde. Conclusão: Os achados deste estudo demonstraram a importância do conhecimento histórico das políticas de atenção aos idosos no Brasil, para respaldar e resguardar os direitos assegurados a essa população que cresce exponencialmente em todo o território nacional e que merece especial atenção da sociedade, tanto para garantir o cumprimento quanto para assegurar a criação de novas leis, assembleias e conferências voltados a melhoria de vida da pessoa idosa.

Veja o artigo completo: PDF