Resumo Trabalho

ALTERAÇÕES MORFOLÓGICAS DO SISTEMA MUSCULOESQUELÉTICO NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO HUMANO

JOSÉ IGOR BARBOSA DE SOUZA, WESLLEY BARBOSA SALES e orientado por VANESSA DA NÓBREGA DIAS

O ENVELHECER ESTÁ DIRETAMENTE LIGADO AO ESTILO DE VIDA DO SUJEITO, TORNANDO O ENVELHECIMENTO DIFERENTE PARA CADA INDIVÍDUO, SENDO O PROCESSO MAIS TARDIO PARA ALGUNS E PRECOCE PARA OUTROS. O OBJETIVO DA PESQUISA É IDENTIFICAR AS PRINCIPAIS ALTERAÇÕES QUE OCORREM NO SISTEMA MUSCULOESQUELÉTICO DURANTE O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO, E OBSERVAR AS REPERCUSSÕES NA FUNCIONALIDADE DO INDIVÍDUO. A METODOLOGIA UTILIZADA FOI ATRAVÉS DA BUSCA EM BASES ELETRÔNICAS, CARACTERIZANDO UMA REVISÃO DA LITERATURA. OBSERVOU-SE QUE UMA DAS ALTERAÇÕES MAIS EVIDENTES OCORRE NO SISTEMA MUSCULAR, ONDE EXISTE A DIMINUIÇÃO DO PESO E VOLUME DO MÚSCULO, AUMENTANDO O RISCO DE FRATURAS. NO SISTEMA ESQUELÉTICO OCORREM ALTERAÇÕES NA MATRIZ ÓSSEA, DEVIDO O DÉFICIT DOS OSTEOBLASTOS E DOS OSTEOCLASTOS NA PRODUÇÃO E REABSORÇÃO DA MATRIZ ÓSSEA. NAS ARTICULAÇÕES DE AMPLO GRAU DE MOVIMENTO, DENOMINADAS SINOVIAIS, HÁ DIMINUIÇÃO DO LIQUIDO SINOVIAL E A PERDA DE CONDRÓCITOS, QUE RESULTAM EM CARTILAGENS MAIS FINAS E SENSÍVEIS A RUPTURA. ESSAS ALTERAÇÕES DEVEM SER OBSERVADAS PELOS TERAPEUTAS, DISPONDO DE TERAPIAS MAIS ESPECIFICAS, E QUE VISAM SEMPRE A FUNCIONALIDADE E A MELHOR QUALIDADE DE VIDA DO PACIENTE.

Veja o artigo completo: PDF