Resumo Trabalho

DIABETES MELLITUS: O PAPEL DA FAMÍLIA NOS CUIDADOS AO IDOSO NO AMBIENTE DOMICILIAR

MARIA ANGÉLICA PALMEIRA DA ROCHA, JOSIANE COSTA E SILVA, MARIA JANINE PEREIRA FERNANDES, MARIA MONICA SILVA PINTO e orientado por MARIA ZÉLIA ARAÚJO

OBJETIVO: IDENTIFICAR O PAPEL DA FAMÍLIA NO CUIDADO DOMICILIAR AO IDOSO COM DIABETES MELLITUS. METODOLOGIA: ESTUDO DE CAMPO, EXPLORATÓRIO, DESCRITIVO, COM ABORDAGEM QUALITATIVA. A PESQUISA FOI REALIZADA NAS RESIDÊNCIAS DE IDOSOS PORTADORES DE DIABETES MELLITUS (DM), QUE TINHAM ASSISTÊNCIA DOMICILIAR PELA FAMÍLIA NO MUNICÍPIO DE CAMPINA GRANDE, EM MAIO DE 2018. FORAM INCLUÍDOS FAMILIARES QUE DÃO SUPORTE ASSISTENCIAL AOS IDOSOS PORTADORES DE DM, USUÁRIOS DOS SERVIÇOS DE SAÚDE DA UBSF CONCEIÇÃO (ROSA MISTICA), DISTRITO TRÊS, EM CAMPINA GRANDE-PB. FORAM EXCLUÍDAS OS FAMILIARES DE PACIENTES DIAGNOSTICADOS A MENOS DE 3 MESES. PARA A ANÁLISE DOS RESULTADOS UTILIZOU-SE A ANÁLISE DE CONTEÚDO DE BARDIN. O ESTUDO RECEBEU CAAE: 87378118.0.0000.5187 E APROVAÇÃO EM 20 DE ABRIL DE 2018. RESULTADOS: NA PESQUISA PERCEBEU-SE QUE OS CUIDADORES TÊM CONHECIMENTO DA DOENÇA; DAS LIMITAÇÕES QUE ELA TRAZ PARA O IDOSO; DA NECESSIDADE DE UM PLANEJAMENTO PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE DELE DIANTE DA PATOLOGIA MINISTRANDO OS “MEDICAMENTOS NO HORÁRIO CERTO” REPRESENTANDO 58%; “ALIMENTAÇÃO CERTA” 42%; “CAMINHADA” REALIZADA PELO IDOSO, 37% E 37% A REALIZAÇÃO DE “EXERCÍCIO FÍSICO”; QUANTO AO CUIDADOR ENFRENTAR DIFICULDADES AO PROCURAR OS PROFISSIONAIS DAS UBSF’S, 52% SÃO BEM ATENDIDOS AO PROCURA A ASSISTÊNCIA NAS UBSF’S; QUANTO AS DIFICULDADES NO AMBIENTE FAMILIAR, OS CUIDADORES DESTACARAM A TEIMOSIA DO IDOSO EM QUERER REALIZAR ATIVIDADES QUE NÃO TEM FORÇAS SUFICIENTE PARA EXECUTAR, DENTRE OUTAS AÇÕES. CONCLUSÃO: COM O ESTUDO FOI POSSIBILITADO CONHECIMENTOS PRÁTICOS E CIENTÍFICOS AOS CUIDADORES PARA GARANTIR UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA PARA O IDOSO E FACILITAR OS CUIDADOS DOS FAMILIARES NO AMBIENTE DOMICILIAR. PALAVRAS-CHAVE: IDOSO. DIABETES MELLITUS. DOENÇA CRÔNICA.

Veja o artigo completo: PDF