Resumo Trabalho

A RESILIÊNCIA E OS FATORES QUE INTERFEREM NA VIDA SEXUAL NA TERCEIRA IDADE

LÁZARO JOSÉ DO NASCIMENTO CASTRO FILHO, ANDERSON DA SILVA FONTES, CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE, CAIO VINICIUS DA SILVA

O PRESENTE ESTUDO ABORDA A RESILIÊNCIA NA TERCEIRA IDADE E OS FATORES QUE INTERFEREM NA VIDA SEXUAL NESTE PERÍODO. A SEXUALIDADE NO IDOSO É VISTA COMO UMA PROBLEMÁTICA, TENDO EM VISTA SUAS INTERFERÊNCIAS, DENTRE AS QUAIS SE DESTACAM FATORES BIOLÓGICOS, PRECONCEITOS, MITOS E CRENÇAS. ESSES PROBLEMAS CAUSAM DANOS QUE AFETAM O MODO DE VIVER, PENSAR E SE RELACIONAR DO IDOSO, CONSTRUINDO UMA RESILIÊNCIA PARA SE MANTER DIANTE DE SUAS VONTADES. ESTE ARTIGO APRESENTA COMO OBJETIVO DESCREVER OS FATORES SOCIOCULTURAIS E ASPECTOS INDIVIDUAIS QUE CONTRIBUEM PARA A INTERFERÊNCIA NA VIDA SEXUAL NA TERCEIRA IDADE. ESTA PESQUISA TRATA DE UM ESTUDO INTEGRATIVO ONLINE, UTILIZANDO-SE DE DESCRITORES LIGADOS AO TEMA. OS RESULTADOS EVIDENCIAM O PRECONCEITO DIANTE DA SEXUALIDADE DO IDOSO, RESSALTANDO OS MITOS, O HIV, A DISFUNÇÃO ERÉTIL E DEMÊNCIA COMO OS PRINCIPAIS FATORES RELACIONADOS COM A SEXUALIDADE DA PESSOA IDOSA, QUE APRESENTA DESEJO SEXUAL, MAS SOFRE INTERFERÊNCIAS ANATÔMICAS, FISIOLÓGICAS E PSICOLÓGICAS E EMOCIONAIS. ASSIM, CONCLUI-SE QUE A EXPECTATIVA DO ENVELHECIMENTO AUMENTA UMA PREOCUPAÇÃO CULTURAL, LIBERANDO NO IDOSO PENSAMENTOS QUE PREJUDICAM O DESEJO SEXUAL, SOBRETUDO FRUSTRAÇÕES COM O PRÓPRIO PARCEIRO, FAZENDO-O VIVER EM UM MUNDO NEGATIVO. POR OUTRO LADO, O EROTISMO ALUSIVA SENTIMENTOS COMO A CAPACIDADE DE AMAR, O RESPEITO E O CARINHO, PROMOVENDO UMA BOA QUALIDADE DE VIDA.

Veja o artigo completo: PDF