Resumo Trabalho

A UNCARIA TOMENTOSA COMO PERSPECTIVA TERAPÊUTICA NO ENVELHECIMENTO HUMANO

EMILLY RENNALE FREITAS DE MELO e orientado por SAULO RIOS MARIZ

A ATIVIDADE TERAPÊUTICA DA UNCARIA TOMENTOSA TEM SE DESTACADO COMO PROMISSORA EM DISTINTOS ASPECTOS, UMA VEZ QUE ESTUDOS CIENTÍFICOS RECENTES RELATAM SUA AMPLA VARIEDADE DE ATIVIDADES BIOLÓGICAS, COMO PROPRIEDADES IMUNOMODULADORAS, EFEITOS ANTIOXIDANTES, ANTI-INFLAMATÓRIOS, CARDIOVASCULARES, COGNITIVOS, PROTETORES CONTRA O CÂNCER, ENTRE OUTROS. DESSE MODO, A PRESENTE REVISÃO POSSUI COMO OBJETIVO ANALISAR A PERSPECTIVA TERAPÊUTICA DA UNCARIA TOMENTOSA PARA REVIGORAR E TRATAR O ORGANISMO DA PESSOA IDOSA, FOCANDO NA SUA ATUAÇÃO NO SISTEMA IMUNOLÓGICO, NO COMBATE À INFLAMAÇÃO E NOS DISTÚRBIOS MAIS PREVALENTES DA POPULAÇÃO IDOSA, COMO OS CARDIOVASCULARES, OS METABÓLICOS (DIABETES MELLITUS), OS COGNITIVOS (DOENÇA DE ALZHEIMER) E O CÂNCER. A METODOLOGIA FOI COMPOSTA DE BUSCAS POR ARTIGOS PUBLICADOS EM FONTES COMO A BIBLIOTECA NACIONAL DE MEDICINA DOS ESTADOS UNIDOS (PUBMED), O SISTEMA ONLINE DE BUSCA E ANÁLISE DE LITERATURA MÉDICA (MEDLINE) E O CENTRO LATINO-AMERICANO E DO CARIBE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE (LILACS); SEGUIDA DE UMA INVESTIGAÇÃO LITERÁRIA MANUAL, OBTENDO-SE 19 REFERÊNCIAS. COMO RESULTADOS, EVIDENCIOU-SE ATUAÇÕES PROMISSORAS DA UNCARIA TOMENTOSA NA ESTIMULAÇÃO DO SISTEMA IMUNOLÓGICO, NO COMBATE À INFLAMAÇÃO E AO CÂNCER, ALÉM DE APRESENTAR PAPEL IMPORTANTE NOS QUADROS CARDIOVASCULARES, NO DIABETES MELLITUS E NOS DISTÚRBIOS COGNITIVOS, COM DESTAQUE PARA A DOENÇA DE ALZHEIMER. É DIGNO DE NOTA QUE A MAIORIA DOS TRABALHOS SOBRE O TEMA, ATÉ O MOMENTO, FORAM REALIZADOS EM ANIMAIS, DE FORMA QUE SE DEVE EVIDENCIAR A NECESSIDADE DE ESTÍMULO À REALIZAÇÃO DE ESTUDOS FUTUROS EM SERES HUMANOS PARA QUE O USO DESSA ESPÉCIE, NAS SUAS VÁRIAS POTENCIALIDADES TERAPÊUTICAS, SEJA CIENTIFICAMENTE VALIDADO.

Veja o artigo completo: PDF