Resumo Trabalho

ASSOCIAÇÃO ENTRE DEPRESSÃO E QUALIDADE DE VIDA EM IDOSAS RESIDENTES NO INTERIOR DO NORDESTE BRASILEIRO

MONARA MONIQUE DE QUEIROZ BENEDITO, JUCELIA FRANÇA DA SILVA, JULIANNE MACHADO BONFIM, AMANDA CAROLINE ALVES DE MOURA e orientado por LUMENA CRISTINA DE ASSUNÇÃO CORTEZ

INTRODUÇÃO: O ENVELHECIMENTO POPULACIONAL É UM FENÔMENO MUNDIAL, E NO BRASIL, A POPULAÇÃO IDOSA BRASILEIRA TEM CRESCIDO RAPIDAMENTE, SUSCITANDO A IMPORTÂNCIA DE ESTUDOS E POLÍTICAS PÚBLICAS VOLTADAS PARA AS DEMANDAS DE SAÚDE DE TAL PÚBLICO. O PROCESSO DE SENESCÊNCIA É MARCADO PELO DECLÍNIO DAS FUNÇÕES CORPORAIS E COGNITIVAS, QUE PODEM ESTAR ASSOCIADOS A OCORRÊNCIA DE DOENÇAS, COMO A DEPRESSÃO, INFLUENCIANDO A QUALIDADE DE VIDA. OBJETIVO: AVALIAR A ASSOCIAÇÃO ENTRE A DEPRESSÃO E QUALIDADE DE VIDA ENTRE EM MULHERES IDOSAS RESIDENTES NO MUNICÍPIO DE SANTA CRUZ/RN, E CARACTERIZAR A AMOSTRA DE ACORDO COM OS DADOS SOCIODEMOGRÁFICOS E ANTROPOMÉTRICOS. MÉTODOS: TRATA-SE DE UM ESTUDO OBSERVACIONAL TRANSVERSAL DE CARÁTER ANALÍTICO E DESCRITIVO, DESENVOLVIDO COM 106 MULHERES COM IDADE ENTRE 60 A 80 ANOS, RESIDENTES NO MUNICÍPIO DE SANTA CRUZ/RN. AS PARTICIPANTES FORAM AVALIADAS POR MEIO DE QUESTIONÁRIO ESTRUTURADO E UM QUESTIONÁRIO DE QUALIDADE DE VIDA, NO PERÍODO DE ABRIL A AGOSTO DE 2016. RESULTADOS: A MÉDIA DE IDADE DA AMOSTRA FOI DE 69,9 ANOS (±6,2). HOUVE ASSOCIAÇÃO ENTRE A DEPRESSÃO E QUALIDADE DE VIDA (P=0,02). COM RELAÇÃO AS CATEGORIAS DO QUESTIONÁRIO, APENAS A CATEGORIA “SAÚDE” APRESENTOU SIGNIFICÂNICA ESTATISTICA (P<0,001). CONCLUSÃO: IDENTIFICOU-SE A EXISTÊNCIA DE ASSOCIAÇÃO ENTRE DEPRESÃO E QV ENTRE MULHERES IDOSAS RESIDENTES NO INTERIOR DO NORDESTE BRASILEIRO. ESTES ACHADOS SÃO VÁLIDOS PARA SUBSIDIAR PLANOS DE CUIDADOS CLÍNICOS E PREVENTIVOS VOLTADOS PARA O PÚBLICO EM QUESTÃO, NOS DIFERENTES NÍVEIS DE ATENÇÃO À SAÚDE.

Veja o artigo completo: PDF