Resumo Trabalho

CONTRIBUIÇÕES CIENTÍFICAS ACERCA DA ANSIEDADE COMO OBJETO DE ESTUDO EM IDOSOS: UMA REVISÃO INTEGRATIVA

WILIANA APARECIDA ALVES DE BRITO FERNANDES, ANA VITÓRIA FERREIRA DA SILVA LIMA, ANGÉLICA SOUSA SILVA, SANNI MORAES DE OLIVEIRA e orientado por FABIANA MEDEIROS DE BRITO

O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO É CARACTERIZADO POR MODIFICAÇÕES SISTÊMICAS, INCLUSIVE AS DE CUNHO PSÍQUICO. NESTE ASPECTO, A ANSIEDADE EMERGE COMO UMA CONDIÇÃO AGRAVANTE DO ESTADO GERAL DE SAÚDE DO IDOSO E PODE APRESENTAR-SE DE MANEIRA CORRELACIONADA A OUTRAS MORBIDADES DESENVOLVIDAS NESTA FASE DA VIDA, INCIDINDO SOBRE A AUTONOMIA DA PESSOA IDOSA E O SEU BEM-ESTAR. ESTE TRABALHO TEM COMO OBJETIVO INVESTIGAR QUAL AS CONTRIBUIÇÕES CIENTÍFICAS NA ÚLTIMA DÉCADA ACERCA DA ANSIEDADE COMO FOCO DE ESTUDO EM PESSOAS IDOSAS. TRATA-SE DE UMA REVISÃO INTEGRATIVA NAS BASES DE DADOS LILACS E PORTAL DE PERIÓDICOS CAPES POR MEIO DOS DESCRITORES, ANSIEDADE “AND” IDOSO. FORAM ENCONTRADOS 102 ARTIGOS, DOS QUAIS 49 FORAM ENCONTRADOS NO PORTAL DE PERIÓDICOS DA CAPES E 53 NA BASE DE DADOS LILACS, E DESTES ANALISARAM-SE 9. ESTE TRABALHO EVIDENCIOU A ESCASSEZ DE ESTUDOS ESPECÍFICOS SOBRE A ANSIEDADE E SUA RELAÇÃO E CORRELAÇÃO COM OS DEMAIS ASPECTOS PECULIARES DO ENVELHECIMENTO HUMANO, BEM COMO OS IMPACTOS DECORRENTES DA POSSÍVEL INTER-RELAÇÃO EXISTENTE ENTRE ESTAS VARIÁVEIS.

Veja o artigo completo: PDF