Resumo Trabalho

IDOSA COM PERDA AUDITIVA IMPORTANTE: AS DIFICULDADES NA COMUNICAÇÃO DURANTE A CONSULTA DE ENFERMAGEM – UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

JÚLIA BUONAFINA DA SILVA, IZABELY VITÓRIA FÉLIX DE LIMA, HELENA VITÓRIA SILVA PINHEIRO, MARÍLIA JULIANE PEDROSA GURGEL e orientado por FABIA MARIA DE LIMA

O ENVELHECIMENTO HUMANO É UM PROCESSO NATURAL, PRODUTO DE FATORES EXTRÍNSECOS, ENTRE ESTES TEM-SE OS SOCIAIS, OS CULTURAIS E OS ECONÔMICOS, E INTRÍNSECOS, COMO FÍSICOS E PSICOLÓGICOS. ESTES ÚLTIMOS SÃO PROCESSOS HUMANOS CONSIDERADOS IRREVERSÍVEIS E INEVITÁVEIS. NESSE CONTEXTO, DESTACA-SE O FENÔMENO FISIOLÓGICO DA PRESBIACUSIA, OU SEJA, DIMINUIÇÃO DA ACUIDADE AUDITIVA EM PESSOAS DA TERCEIRA IDADE. A CONSULTA DE ENFERMAGEM GERONTOLÓGICA É DE FUNDAMENTAL IMPORTÂNCIA PARA O ACOMPANHAMENTO ROTINEIRO DA SAÚDE EM SUA TOTALIDADE, DO IDOSO. O ENFERMEIRO DE SAÚDE DO IDOSO TRAZ CONSIGO A HABILIDADE DE ESCUTA ATIVA E QUALIFICADA, PERMITINDO UM VÍNCULO PROFISSIONAL-PACIENTE, QUE FACILITA A DETECÇÃO DE PROBLEMAS PRECOCES E DEMANDAS PESSOAIS. SENDO ASSIM, O PRESENTE TRABALHO É UM RELATO DE EXPERIÊNCIA ACADÊMICO, DESCRITIVO E DE ABORDAGEM QUALITATIVA, COM O INTUITO DE TRAZER A VIVÊNCIA DE ACADÊMICAS DE ENFERMAGEM DURANTE UMA CONSULTA COM UMA IDOSA APRESENTANDO PERDA AUDITIVA IMPORTANTE, BEM COMO SENSIBILIZAR OS PROFISSIONAIS ENFERMEIROS NO CAMPO DA GERONTOLOGIA, A FIM PROPICIAR A PRESTAÇÃO DE UMA ASSISTÊNCIA QUALIFICADA NO ATENDIMENTO À PESSOA IDOSA COM BAIXA ACUIDADE AUDITIVA, ATRAVÉS DOS SEGUINTES FINALIDADES: RELATAR A VIVÊNCIA DE DISCENTES DE ENFERMAGEM NA CONSULTA COM IDOSO; ABORDAR AS DIFICULDADES NA CONDUÇÃO DA CONSULTA E DISCUTIR A IMPORTÂNCIA DA SAE NA CONSULTA DO IDOSO.

Veja o artigo completo: PDF