Resumo Trabalho

GENERALIDADES DA DEPRESSÃO NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO E A ASSISTÊNCIA DA ENFERMAGEM

TAINÁ OLIVEIRA DE ARAÚJO, ANDRIO LINCOLN DELGADO ZUZA, MARIA DAS GRAÇAS MORAIS DE MEDEIROS, IGOR LUIZ VIEIRA DE LIMA SANTOS e orientado por CARLIANE REBECA COELHO DA SILVA

A DEPRESSÃO TEM SIDO UMA DAS DOENÇAS QUE TÊM INCIDIDO NA PESSOA IDOSA, CONSTITUINDO-SE COMO UM TRANSTORNO DE HUMOR QUE ATINGE O INDIVÍDUO EM SUA TOTALIDADE, PRINCIPALMENTE NO ASPECTO BIOPSICOSSOCIAL, PODENDO AFETAR ATÉ MESMO O CONVÍVIO FAMILIAR E SOCIAL. CARACTERIZA-SE COMO UMA PATOLOGIA CONSIDERADA COMO UM GRAVE PROBLEMA DE SAÚDE PÚBLICA, PODENDO ESTAR ASSOCIADA A DIFICULDADES FINANCEIRAS, FALTA DE AFEIÇÃO FAMILIAR E SOCIAL GERANDO UM SENTIMENTO DE ANEDONIA E ABANDONO, ALÉM DO PRÓPRIO DESEQUILÍBRIO PSICOLÓGICO. O OBJETIVO DESTA PESQUISA PAUTA-SE NOS CUIDADOS DE ENFERMAGEM PRESTADOS À PESSOA COM DEPRESSÃO, EVIDENCIADOS A PARTIR DE PUBLICAÇÕES CIENTIFICAS REALIZADAS NO BRASIL. TRATA-SE DE UMA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA, SENDO UTILIZADA COMO BASE DE DADOS A PLATAFORMA DE PESQUISA SCIENTIFIC ELECTRONIC LIBRARY ONLINE (SCIELO). OS RESULTADOS DEMONSTRAM A NECESSIDADE DO TREINAMENTO ESPECÍFICO PELOS ENFERMEIROS PARA PODER CONTRIBUIR DE MODO EFETIVO COM A IDENTIFICAÇÃO E TRATAMENTO DO PROBLEMA. DESSA FORMA, CONCLUI-SE QUE É DE FUNDAMENTAL IMPORTÂNCIA A ASSISTÊNCIA PRESTADA A PESSOA IDOSA COM DISTÚRBIO NO HUMOR AFETIVO PELO ENFERMEIRO, VISTO QUE, TAL PROFISSIONAL EM SAÚDE É CAPACITADO PARA ACOMPANHAR O PACIENTE DESDE A FASE DE DIAGNÓSTICO ATÉ A REINTEGRAÇÃO DO MESMO NA SOCIEDADE. POSSIBILITANDO UM TRATAMENTO ESPECIALIZADO E DE QUALIDADE PROMOVENDO A SAÚDE E UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA, BEM COMO, A PREVENÇÃO. ISTO PERMITIRÁ DIMINUIR OS CASOS DE MORBIMORTALIDADE, POR MEIO DA IMPLEMENTAÇÃO DE AÇÕES TERAPÊUTICAS NA DEPRESSÃO, EM TODOS OS NÍVEIS DE COMPLEXIDADE DO CUIDADO DE ENFERMAGEM.

Veja o artigo completo: PDF