Resumo Trabalho

ATUALIDADES E EVIDÊNCIAS SOBRE O HMB EM IDOSOS SARCOPÊNICOS

AMANDA ALVES LEAL DA CRUZ, ISADORA FELIX BARBOSA, THUANE TEIXEIRA LIMA, WALESKA HOLANDA LEITE e orientado por PAULA DOMINGUES LIMA KOTOVICZ e orientado por PAULA DOMINGUES LIMA KOTOVICZ

Introdução: A sarcopenia, síndrome que acomete principalmente idosos, é caracterizada pela perda progressiva e generalizada de massa musculoesquelética, acompanhada pela perda da força muscular e/ou do desempenho físico. A suplementação com Hidroximetilbutirato (HMB) vem sendo utilizada, juntamente com outros suplementos e com a atividade física, como alternativa para o tratamento dessa doença. Objetivo: Investigar a eficácia da suplementação com HMB em idosos sarcopênicos, mediante evidências científicas mais recentes. Metodologia: Trata-se de uma revisão de literatura do tipo integrativa, na qual se utilizou os termos “HMB”, “sarcopenia”, “idoso”, nas bases de dados LILACS e PubMed, selecionando artigos dos 5 últimos anos. Resultados: A maioria dos estudos demonstrou que o HMB, metabólito do aminoácido essencial leucina, pode prevenir o desenvolvimento da sarcopenia em indivíduos idosos, melhorar a força muscular e o desempenho físico. Sugeriram que seu consumo, a longo prazo, pode proteger e reestruturar o músculo nos indivíduos com maior risco de lesão muscular que apresentam grande perda de massa magra. Alguns motivos apontados são o potencial do HMB de estabilizar a membrana da célula muscular, de modular a degradação de proteínas e de estimular a síntese proteica através da via mTOR, além de elevar os níveis de coenzima Q10, melhorando a capacidade oxidativa, associado ao aumento da força e da massa muscular sob treinamento de resistência. Outros estudos não encontraram diferenças significativas na força muscular e na composição corporal de idosos sarcopênicos, após suplementação com HMB. Até o presente momento, o HMB não evidenciou efeitos adversos sobre a saúde humana. Conclusão: Esta revisão aponta a necessidade de mais estudos controlados de longa duração que verifiquem o papel do HMB na massa e força muscular em idosos sarcopênicos. Ademais, é necessário o controle do nível de atividade física e diferentes desfechos, assim como do consumo dietético, que inclui o valor energético total, conteúdo proteico e carboidrato.

Veja o artigo completo: PDF