Resumo Trabalho

UTILIZAÇÃO DE PRÁTICAS INTEGRATIVAS E LÚDICAS NA DISCIPLINA DE SAÚDE DO IDOSO - UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

MANOEL VITÓRIO SOUZA SANTANA, DANIELA MONTEIRO CAVALCANTE, ALBA REGINA CARTAXO SAMPAIO THOME e orientado por VÍVIAN MARCELLA DOS SANTOS SILVA e orientado por VÍVIAN MARCELLA DOS SANTOS SILVA

INTRODUÇÃO: O envelhecimento populacional é um fenômeno mundial bastante expressivo também no Brasil, que em 2010 apresentava 11,3% da população com 60 anos ou mais. Estima-se que atinja o ranking de sexto país com o maior contingente de idosos em 2025. Esse acelerado crescimento da população idosa brasileira exige a construção de estratégias e políticas que visam à promoção do envelhecimento saudável e à garantia dos direitos humanos. OBJETIVO: O presente estudo tem como objetivo descrever o papel do enfermeiro docente e a ampliação da visão dos estudantes de enfermagem na Visita Domiciliar ao idoso na Saúde da Família com a finalidade de aliar a teoria vista em sala de aula com a prática da vida diária, bem como a aproximação dos estudantes da disciplina com o processo de socialização com os idosos. METODOLOGIA: Trata-se de um estudo descritivo e qualitativo na modalidade relato de experiência da docente da disciplina Enfermagem na Saúde do Idoso, do Curso de Graduação em Enfermagem da Faculdade São Vicente de Pão de Açúcar - FASVIPA, com o intuito de socializar experiências com a prática do Processo de Enfermagem em uma Instituição Social de Idosos. Os dados foram coletados através da observação dos vínculos e diálogos estabelecidos entre discentes e os idosos da vila, e leituras dos portfólios e, relatos de experiência individuais além da apresentação dos seminários e reuniões com a coordenação do curso de enfermagem, correspondendo ao período de 29 de maio a 2 de julho de 2017. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Assim, emergiram as seguintes principais categorias temáticas como resultados: integração dos alunos e docente; integração dos alunos e idosos; a pessoa idosa - reconhecimento do cuidado; o aluno - teoria à prática: satisfação; reconhecimento da instituição. Tomando-se como discussão a aproximação entre o alunado e a docente através das visitas práticas; a integração do alunado e idosos com a utilização de práticas integrativas e lúdicas; a auto percepção do cuidado recebido pelos alunos, traduzido na alegria e gratidão dos idosos; satisfação dos acadêmicos da oportunidade de aliar todo conteúdo visto em sala de aula com a prática e reconhecimento das atividades pela instituição como relevantes para a disciplina de saúde do idoso. CONCLUSÕES: O trabalho conclui que preparar alunos através de atividades que visem contato com o público que irão atuar torna-se grande responsabilidade do docente e que é perceptível a satisfação dos alunos perante as práticas lúdicas e de autocuidado quando aliados aos conteúdos em sala de aula, levando as principais diretrizes do envelhecimento ativo.

Veja o artigo completo: PDF