Resumo Trabalho

A ATUAÇÃO DAS EQUIPES MULTIPROFISSIONAIS PARA VIABILIZAR OS DIREITOS DA PESSOA IDOSA NAS ILPIS DE JOÃO PESSOA/PB

PRISCILA DE ALMEIDA DA COSTA, LUANA JESUS DE ALMEIDA DA COSTA e orientado por DRª PATRÍCIA BARRETO CAVALCANTI e orientado por DRª PATRÍCIA BARRETO CAVALCANTI

O processo de transição demográfica e epidemiológica vivenciado na atualidade pela população brasileira nos revela o crescimento intenso e heterogêneo do envelhecimento em nosso país, tornando-se necessário compreendermos os aspectos biopsicossociais que influenciam nesse contexto. O presente estudo teve o objetivo de analisar qual a contribuição das equipes multiprofissionais para a viabilização dos direitos sociais das pessoas idosas residentes em Instituições de Longa Permanência para Idosos de João Pessoa/PB. Tratou-se de uma pesquisa quanti-qualitativa, de campo e descritiva, a qual foi realizada com uma amostra de 17 (dezessete) profissionais de nível superior que compõem as equipes multiprofissionais de 03 (três) entidades de João Pessoa/PB: Casa da Divina Misericórdia, Instituição Espírita Nosso Lar e Vila Vicentina Júlia Freire. Os instrumentos e técnicas utilizados para a coleta de dados foram: observação participante, entrevista semiestruturada, levantamento bibliográfico e pesquisa documental. Em relação ao processamento e análise dos dados, alocamos as informações quantitativas em gráficos e tabelas elaborados no Microsoft Office Excel 2010. Os dados qualitativos foram tratados através da análise crítica dos fragmentos dos depoimentos a luz do corpo teórico selecionado. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa do Centro de Ciências da Saúde da UFPB. O estudo ao seu final evidenciou a desresponsabilização estatal em relação ao idoso institucionalizado, ficando transferida tal responsabilidade para o terceiro setor. Por fim, a pesquisa sinalizou que a contribuição das equipes multiprofissionais na viabilização dos direitos do idoso ainda se mostra inconsistente num reflexo da incoerente rede de proteção social destinada ao segmento.

Veja o artigo completo: PDF