Resumo Trabalho

CONCEPÇÕES DE ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL EM RELAÇÃO À CONTAMINAÇÃO DOS ALIMENTOS ATRAVÉS DA ÁGUA

CAMILA PACHECO DA SILVA, KARLA SAMANTHA CAVALCANTI DE MEDEIROS, LARISSA LANAY GERMANO DE QUEIROZ

A disponibilidade de uma água potável é capaz de suprir as necessidades do homem, sendo sua qualidade uma preocupação mundial. Dessa forma tanto o tratamento quanto o consumo de alimentos preparados com água inadequada, tornam-se um influente meio de transmissão de doenças. A água é um componente essencial da produção das indústrias de alimento, sendo usada na maioria dos processamentos do alimento. A qualidade microbiológica tem o objetivo de fornecer alimentos seguros, do ponto de vista higiênico-sanitário. Esses cuidados permitirão a prevenção de doenças veiculadas por alimentos, sendo algumas delas: cólera, hepatite A, toxoplasmose e febre tifoide Portanto, o objetivo desse trabalho é observar a percepção dos alunos e também conscientizá-los sobre a importância da qualidade de água, bem como o seu consumo e manuseio adequado para a ingestão dos alimentos, tendo em vista que existe um risco considerável na ocorrência de enfermidades por parte da disseminação da água. A referente pesquisa efetuou-se na Escola Estadual de Ensino Fundamental André Vidal de Negreiros, localizada na cidade de Cuité, Curimataú Paraibano. O trabalho foi realizado na turma de 6º ano, do Ensino Fundamental II, totalizando 30 alunos, ocorreu durante as aulas de ciências com o direcionamento do professor da disciplina da escola. A primeira questão abordada no questionário aplicado estava voltada à importância da água na alimentação, a resposta, portanto foi unanime à alternativa “sim”, onde todos os alunos confirmaram que a água é um recurso muito relevante na vida dos seres vivos, e principalmente na sua alimentação. Já na segunda questão, enfatizava a qualidade da água como influência na contaminação dos alimentos foram no total de 63% dos alunos que optaram como “sim”. As doenças que podem afetar a saúde através do consumo da água contaminada foram ressaltadas na terceira questão, onde “Dengue, diarreia e intoxicação alimentar” indicaram-se com 49% como as principais patologias. No quesito quarto, os alunos foram abordados quanto à prevenção do consumo de alimentos contaminados através da água, onde a contaminação de pessoas através de alimentos contaminados é uma preocupação constante em todos os países do mundo. Na quinta e última questão, mas não menos importante, os alunos puderam optar a partir de atividades do seu cotidiano soluções para higienização dos alimentos. Diante do que foi observado em todas as questões aplicadas e discutidas, pode-se notar a interação do assunto água com o cotidiano dos alunos, o que foi de grande valor para a resolução do questionário. Em torno da problemática e da sua importância é necessário que essa temática seja abordada em todos os níveis de ensino, pois propiciará a formação de mentes críticas e conscientes dentro de uma sociedade que ainda permanece com o pensamento egocêntrico em relação as situações do nosso planeta.

Veja o artigo completo: PDF