Resumo Trabalho

CISTERNAS RURAIS: USOS E MELHORIAS NA VIDA DAS FAMÍLIAS EM COMUNIDADES RURAIS DO MUNICÍPIO DE SOLEDADE/PB.

RODRIGO CAMPOS MORAIS, SOCORRO LUCIANA DE ARAÚJO e orientado por SOAHD ARRUDA RACHED FARIAS e orientado por SOAHD ARRUDA RACHED FARIAS

As cisternas rurais têm sido implementadas como políticas de governo de cunhos municipal, estadual, federal e, principalmente, por organizações não governamentais, a exemplo do Programa de Formação e Mobilização Social para convivência com o semiárido: Um Milhão de Cisternas Rurais – P1MC (ASA, 2011). O objetivo deste trabalho é apresentar dados sobre os diversos usos da água realizados por famílias, armazenada em cisternas rurais com capacidade para 16m³. Mostrando quais as melhorias identificadas na vida dos agricultores advindas da construção desses reservatórios em suas propriedades. O município de Soledade localiza-se na região central do estado da Paraíba, localizado na microrregião do Curimataú Ocidental. Pode-se constatar que das famílias agricultoras pesquisadas 75% usam a água armazenada das cisternas rurais para beber e cozinhar. Quando se refere as melhorias na vida das pessoas, se destaca a qualidade da água consumida depois da construção das cisternas citadas por 38% das famílias. A implantação dessas tecnologias sociais nas regiões com índice alto de evaporação permite manter uma reserva hídrica por um período continuo, que aliado a um planejamento do uso correto da água estocada, faz com as famílias tenham uma segurança hídrica maior para enfrentar os períodos prolongados de estiagens.

Veja o artigo completo: PDF