Artigo Anais IV CEDUCE

ANAIS de Evento

ISSN: 2447-035X

Visualizações: 108
IMAGENS E SENTIDOS DE EDUCANDOS SURDOS SOBRE O INTÉRPRETE DE LÍNGUA DE SINAIS NO ESPAÇO ESCOLAR

Palavra-chaves: REPRESENTAÇÕES SOCIAIS, INTÉRPRETE DE LÍNGUA DE SINAIS, EDUCANDOS SURDOS Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Diversidade e Diferença

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo analisar as representações sociais de educandos surdos acerca do profissional intérprete de Língua de Sinais no contexto educacional. Os objetivos específicos são: Analisar as imagens e os sentidos atribuídos pelo profissional de Língua de Sinais sob sua prática escolar; Identificar como as representações sobre os Intérpretes pelos educandos surdos interferem no processo de sua aprendizagem escolar. Fundamenta-se em alguns pressupostos teóricos Lacerda (2009), Campello (2007), Silva (2007), assim como, nas representações sociais Moscovici (2009) e Jodelet (2001). A pesquisa baseou-se no enfoque qualitativo, com a utilização de um roteiro de entrevista, com o instrumento sendo aplicado a dois educandos surdos, acerca das representações sociais acerca do profissional Intérprete de Libras. A abordagem no campo das representações sociais é a processual de Moscovici (2009). Os resultados alcançados foram sistematizados em eixos temáticos: Acessibilidade no Espaço Escolar, Representações Sociais acerca do Intérprete Educacional e Relações Interpessoais no âmbito da sala de aula. Entre as representações sociais que os educandos surdos têm sob o Intérprete de Língua de Sinais destacamos que para o aluno surdo o mediador da aprendizagem, o intérprete, assume o papel de educador..

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.